Luciano Périco: "Rodízio será a palavra de ordem na Arena" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Gigante da Galera31/07/2018 | 07h00Atualizada em 31/07/2018 | 07h00

Luciano Périco: "Rodízio será a palavra de ordem na Arena"

Grêmio fará nove partidas em 28 dias, ou seja, uma média de um jogo a cada três dias

Luciano Périco: "Rodízio será a palavra de ordem na Arena" Lucas Uebel / Grêmio, Divulgação/Grêmio, Divulgação
Para que essa estratégia dê certo, é importante ter um grupo forte de jogadores Foto: Lucas Uebel / Grêmio, Divulgação / Grêmio, Divulgação

Você já se deu conta da verdadeira gincana que o Grêmio encara em agosto? Não será mole, não. Três competições ao mesmo tempo. Uma verdadeira roda viva com jogadores escalados e poupados. Não tem como ser diferente. Rodízio será a palavra de ordem na Arena. A maratona já começa na quarta-feira (1), contra o Flamengo, pela Copa do Brasil. Força máxima. 

No fíndi, reencontro pelo Brasileirão. Reservas. No dia 7, será a vez do retorno da Libertadores, encarando o Estudiantes, na Argentina. Titulares. Depois, retoma os pontos corridos duelando com o Vitória. Time alternativo. A definição da vaga na semifinal contra o Flamengo será dia 15, no Maracanã. Equipe principal.

Aí vem um intensivo no Campeonato Brasileiro, com jogos contra Corinthians, Cruzeiro e Atlético-PR. Hora de poupar. E o mês fecha, no dia 28, com o jogo de volta contra os argentinos pela Libertadores. Tudo ou nada.

Resumindo, o Grêmio terá dois jogos de Copa do Brasil, dois de Libertadores e cinco do Brasileirão. A lógica é tentar se manter na ponta de cima da tabela e poupar na longa competição de pontos corridos. Com isso, sempre força máxima nos mata-matas. Serão nove partidas em 28 dias. Um jogo a cada três dias. É complicado manter a excelência física e psicológica em três frentes.

UM SONHO A MAIS

Quando começou o Campeonato Brasileiro, de cara, rechacei a hipótese que o Inter corria risco de rebaixamento. Vindo do inferno da Série B, acreditava que o Colorado podia chegar na Libertadores, beliscando uma posição além do G-6, já que podem abrir mais vagas se tivermos campeões de outras competições nos primeiros seis lugares. Até agora, o Inter está além da expectativa.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros