Guerrinha: "Quem deu as cartas na complicada vitória do Inter foi o argentino D'Alessandro" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Guerra Total05/11/2018 | 07h00Atualizada em 05/11/2018 | 07h00

Guerrinha: "Quem deu as cartas na complicada vitória do Inter foi o argentino D'Alessandro"

Meia esbanjou qualidade e comandou a virada do time de Odair Hellmann

Guerrinha: "Quem deu as cartas na complicada vitória do Inter foi o argentino D'Alessandro" Félix Zucco/Agencia RBS
D'Ale comemorando após o gol de pênalti no final da partida Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Foi bem complicado. Dentro do Beira-Rio, contra os reservas do Atlético-PR, o Inter comeu o pão que o diabo amassou, ganhou de virada, com nova polêmica de arbitragem e somou três pontos indispensáveis para carimbar uma das quatro vagas diretas para a Libertadores.

Nesta complicada vitória, mais uma vez quem deu as cartas foi o argentino D'Alessandro, que comandou o time na virada, exibindo qualidade, e ainda teve a categoria para executar com frieza a penalidade que valeu o resultado.

VAGA

Aumentou a chance. Fora de casa, com desfalques, o Grêmio abriu o marcador no início do jogo, segurou a pressão do Atlético-MG, criou chances para ampliar e somou mais três pontos para seguir vivo no único objetivo que restou na temporada: vaga direta na próxima Libertadores.

Uma vitória merecida, sobre um adversário que também queria o G-4. Tudo orquestrado pelo zagueiro Geromel.

CAMPEÃO

Não tem mais volta. Essa vitória sobre o Santos confirmou que o Palmeiras será, com inteira justiça, o campeão deste Brasileirão. Além da vantagem na pontuação, o Verdão tem uma tabela favorável.

JUSTIÇA

Foi mais do que merecido. Faltando quatro rodadas para o fim, o Fortaleza chegou aos 64 pontos e comemorou o acesso para a Série A. Méritos para o técnico Rogério Ceni, que amadureceu e mostrou que pode dar certo nessa profissão.

PERGUNTINHA

Boca ou River, quem leva o caneco?


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros