Luciano Périco: "Resultado foi infinitamente melhor do que a atuação do Inter" - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Gigante da Galera05/11/2018 | 07h00Atualizada em 05/11/2018 | 07h00

Luciano Périco: "Resultado foi infinitamente melhor do que a atuação do Inter"

Quando tudo se encaminhava para um empate, o Colorado conseguiu um pênalti no final do jogo

Luciano Périco: "Resultado foi infinitamente melhor do que a atuação do Inter" Félix Zucco/Agencia RBS
Pênalti convertido por D'Alessandro no fim salvou a noite colorada no Beira-Rio Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

O Inter teve mais sorte do que juízo contra os reservas do Atlético-PR. O resultado foi infinitamente melhor que a atuação. Fundamentais os três pontos suados para seguir na briga pelo título. Quando tudo se encaminhava para um empate, o pênalti no final do jogo deu a vitória

Na primeira etapa, o Inter foi sonolento. Juan Alano não se mostrou a melhor opção na vaga de Edenilson. Patrick teve mais uma atuação abaixo do normal. A bola quase não chegou até Damião. A equipe colorada voltou no segundo tempo com mais força. O Furacão abriu o marcador com Camacho, mas Odair reforçou o ataque com Pottker, Wellington Silva e Rossi e o gol de empate veio no fim.

São Paulo e Flamengo ficaram no 2 a 2. Palmeiras mantém os cinco pontos de vantagem. Segue a batalha! 

VALE TUDO

O recado passado pela Conmebol é claro. O regulamento da Libertadores pode ser colocado no lixo. O futebol argentino mostrou quem manda na entidade sul-americana. 

A punição dada ao técnico do River Plate, Marcelo Gallardo, beira ao ridículo. Uma multa mixuruca para os parâmetros do futebol e quatro jogos de suspensão. E o mais grave de tudo: ao River, conivente na falcatrua, nenhum tipo de pena. É um incentivo para burlar a regra. 

Tanto se briga por seriedade no futebol e uma confederação, de histórico pouco recomendável, não consegue se afastar do lado nebuloso. O Grêmio deve abrir mão do recurso. É perda de tempo e de energia para o Tricolor. 

Agora, a equipe de Renato Portaluppi tem de focar na reta final do Brasileirão. A vitória sobre o Atlético-MG fora de casa é uma boa reação para buscar um lugar no G-4.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros