Guerrinha: ataque do Inter precisa ser cirúrgico na reta final do Brasileirão - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Guerra Total21/11/2019 | 08h00Atualizada em 21/11/2019 | 08h00

Guerrinha: ataque do Inter precisa ser cirúrgico na reta final do Brasileirão

Colorado precisa ser efetivo se quiser garantir um lugar na Libertadores de 2020

Guerrinha: ataque do Inter precisa ser cirúrgico na reta final do Brasileirão Fernando Gomes/Agência RBS
Peruano Paolo Guerrero segue sendo a principal esperança de gols do povo colorado Foto: Fernando Gomes / Agência RBS

Chegou a hora do erro zero.

Leia mais
D'Ale sobre permanência no Inter: "11 anos desgastam, mas nada impede que eu siga"
Colunistas opinam: como Aránguiz se encaixaria melhor no time do Inter? 

Um dos maiores problemas no empate sem gols contra o Corinthians foi a falta de acerto nas finalizações, o que não pode acontecer agora, na reta final, quando o Inter necessita vencer jogos e somar pontos.

Nestes últimos cinco jogos, três deles dentro do Beira-Rio, o Colorado precisa ser cirúrgico no acabamento das jogadas, mandar a bola para as redes, e isso certamente está sendo trabalhado pelo técnico Zé Ricardo, que até elogiou o seu time em São Paulo, mas certamente ficou preocupado com as chances desperdiçadas. 

Ainda não tem o app Colorado GaúchaZH? Acesse todas as informações sobre o Inter na palma da sua mão!

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros