Luciano Périco: Gauchão ainda não está liberado em Porto Alegre - Esporte - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Retomada11/07/2020 | 08h00Atualizada em 11/07/2020 | 08h00

Luciano Périco: Gauchão ainda não está liberado em Porto Alegre

Prefeitura analisa a situação sanitária da Capital para autorizar a realização dos jogos

Luciano Périco: Gauchão ainda não está liberado em Porto Alegre André Ávila/Agencia RBS
Dois jogos serão disputados na Arena: Grêmio x Ypiranga e Brasil x São Luiz Foto: André Ávila / Agencia RBS

O prefeito Nelson Marchezan confirmou a liberação para os times de Porto Alegre poderem treinar coletivamente a partir de segunda-feira (13). A notícia define a permanência do Grêmio na Capital, trabalhando no CT Luiz Carvalho, desistindo do deslocamento para Criciúma. A medida evita o desgaste e o custo da viagem. E os atletas não precisam ficar longe de suas famílias. 

O Inter esperava o desfecho da discussão para saber se também iria para fora do estado. Os dirigentes até consideraram ir para Santa Catarina. Mas tudo fica como está. Trabalhos concentrados no CT Parque Gigante. A medida também acaba afetando a vida do São José, que segue na zona norte da Capital.

Só que a questão tem um detalhe muito importante. A decisão da prefeitura Porto Alegre deixa um ponto de interrogação. Ainda não há a liberação da realização dos jogos. A ideia é de esperar alguns dias para definir se podemos ter partidas do Gauchão na capital, uma das sedes escolhidas pela FGF para a realização de cinco jogos só no primeiro turno. 

VOCÊ VIU?
Cinco treinadores que quase trabalharam no Grêmio
De Cavenaghi a Forlán: estrelas que não renderam pelo Inter

A tabela indica o Gre-Nal no Beira-Rio, que foi mantido na primeira rodada, assim como os demais clássicos. A casa colorada ainda vai sediar o duelo entre Inter x Aimoré. Dois jogos serão disputados na Arena: Grêmio x Ypiranga e Brasil x São Luiz. E o Passo D’Areia terá apenas São José x Novo Hamburgo.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros