Luciano Périco: quem vai sair com a casa bagunçada após o Gre-Nal? - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Decisão na Arena05/08/2020 | 10h00Atualizada em 05/08/2020 | 10h00

Luciano Périco: quem vai sair com a casa bagunçada após o Gre-Nal?

Clássico 426 vale vaga na final do Gauchão, diante do Caxias

Luciano Périco: quem vai sair com a casa bagunçada após o Gre-Nal? Jefferson Botega/Agencia RBS
Grêmio e Inter prometem o duelo mais emocionante e disputado da turbulenta temporada 2020 Foto: Jefferson Botega / Agencia RBS

Vale muito o Gre-Nal 426. Somente um dos dois chegará na final do Gauchão para encarar o Caxias. Quem ficar pelo caminho terá o carimbo do fracasso em um dos objetivos da temporada. E coloca uma pressão para resultados positivos nas competições que vêm na sequência. Não tem refresco. Infelizmente, a vida é uma eterna necessidade de provar competência. 

 Vamos combinar que é muito difícil fazer qualquer previsão de resultado. Historicamente, apostar em favorito em Gre-Nal é um exercício de futurologia. Mesma chance de erro e acerto. Utilizando como balizador a teoria de que a última impressão é a que fica, o Inter vem de uma goleada sobre o Esportivo com ótimo desempenho. E o Grêmio chegou à final tendo sofrido de forma desnecessária no duelo contra o Novo Hamburgo.

Leia mais
D'Alessandro é punido com dois jogos de suspensão e multa de R$ 5 mil pelo TJD
Gre-Nal 426: horário, como acompanhar e detalhes da final do segundo turno do Gauchão
Treze Gre-Nais e só uma vitória do Grêmio com Vuaden no apito: o que isso quer dizer?

Isso significa que o Colorado chega muito melhor para o Gre-Nal? Pode até ser. Mas não é indicativo de que existe um favoritismo escancarado. Eduardo Coudet está encontrando uma forma ideal de encaixar as peças para fazer o time jogar. Mesmo com a longa parada, há uma clara evolução desde o início do trabalho em janeiro. Mas ainda precisa passar por uma prova de fogo, como será o duelo desta quarta-feira (5). 

Por outro lado, é certo que Tricolor não vai repetir a atuação burocrática da semifinal contra o Noia. Não podemos esquecer que o time de Renato Portaluppi tem no DNA o futebol de qualidade. Aposto que teremos o melhor e mais importante clássico da temporada. Por isso tudo, qualquer resultado é possível no confronto da Arena. Quem for eliminado da reta final do Gauchão terá a casa bagunçada.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros