Marcelo Gonzatto: situação do Inter revela uma dura verdade do futebol - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão Colorada30/07/2021 | 07h00Atualizada em 30/07/2021 | 07h00

Marcelo Gonzatto: situação do Inter revela uma dura verdade do futebol

Clube tem desafio de arrumar as finanças sem correr risco de parar nas últimas posições da tabela

Marcelo Gonzatto: situação do Inter revela uma dura verdade do futebol Ricardo Duarte / Internacional / Divulgação/Internacional / Divulgação
Direção está atrás de reforços para fortalecer o grupo de jogadores Foto: Ricardo Duarte / Internacional / Divulgação / Internacional / Divulgação

O torcedor de futebol é, antes de tudo, um iludido. A principal ilusão, que nos engana como um drible de Garrincha, é de que mudar a escalação de um time aqui ou ali, ajustar uma pecinha do sistema de jogo, vai lançar um clube enfraquecido a grandes conquistas. 

Em 90% das vezes, ganha o time que tem muito mais dinheiro, ou, pelo menos, um patamar de investimento próximo ao dos rivais. Apenas nos 10% restantes um Fernandão e um Iarley vão dar conta de um todo-poderoso Barcelona. Se o fã de um clube deixasse a emoção de lado e se relacionasse com o futebol apenas por meio da razão, não se preocuparia tanto com tabelas de jogos. Prestaria atenção nos balancetes. 

É ali, nas somas e subtrações dos pilas, receita versus despesas, que se forja um time campeão ou um candidato ao rebaixamento. O problema é que só o pessoal da contabilidade enxerga a beleza de um relatório financeiro enxuto. 

Leia mais
Por que o Inter tem uma "folha paralela" de R$ 6 milhões por mês 
Como está a movimentação do Inter no mercado
Inter e consórcio de empresas trabalham em ajustes em contrato por utilização do Gigantinho

O Inter, todos sabemos, enfrenta uma das maiores crises financeiras de sua história, com credores batendo na porta atrás de R$ 600 milhões. O grande desafio, para a atual direção, é fazer esse acerto de contas mantendo o time competitivo. Pelo menos, longe da zona do rebaixamento.

Contratações cirúrgicas

A estratégia exige a valorização da base, mas também contratações cirúrgicas e adequadas ao sistema de jogo que se queira implantar. Por isso, é tão importante os responsáveis pelo futebol colorado pensarem muito bem, neste momento em que se voltam ao mercado, em quem vão investir. Nos últimos tempos, os colorados estão tomando prejuízo nessa área.

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros