Luciano Périco: um duelo com gosto de revanche para o Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Reencontro17/09/2021 | 09h00Atualizada em 17/09/2021 | 09h00

Luciano Périco: um duelo com gosto de revanche para o Inter

Colorado encara o Fortaleza na segunda rodada do returno do Brasileirão

Luciano Périco: um duelo com gosto de revanche para o Inter Ricardo Duarte / Internacional /  Divulgação/Internacional /  Divulgação
Rodrigo Dourado volta ao time titular Foto: Ricardo Duarte / Internacional / Divulgação / Internacional / Divulgação

De volta ao Beira-Rio, o Inter terá uma carne de pescoço no domingo (10), às 11h, pelo Brasileirão. Sob comando do argentino Juan Pablo Vojvoda, o Fortaleza é uma das boas surpresas da temporada. 

Na última quarta-feira (15), eliminou o São Paulo na Copa do Brasil e chegou à semifinal. Já no Brasileirão está no G-4, mas perdeu um pouco de fôlego. Nos últimos cinco jogos, foram três empates — contra Santos, Juventude e Cuiabá — e duas derrotas seguidas para Bahia e Atlético-MG. 

Depois da vitória sobre o Sport, o Colorado precisa manter o embalo e somar mais três pontos. A vaga na Libertadores deve continuar sendo o grande objetivo. Mas a equipe de Diego Aguirre precisa melhorar o desempenho, mesmo com a invencibilidade nas últimas seis partidas. 

Leia mais
Mauricio projeta jogo com Fortaleza e mudança de turno dos treinos do Inter: “É uma questão de adaptação”
Os números que respaldam a titularidade absoluta de Moisés no Inter
Heitor mostra polivalência no Inter e conquista espaço com Diego Aguirre

A volta de Taison ainda é uma incógnita. O retorno do capitão pode aumentar o poderio criativo e ofensivo do time. Não creio que o Fortaleza fará um retrancão no Beira-Rio. A tendência é um duelo de troca de golpes. 

Fica a dúvida, se Aguirre vai manter a estrutura de dois volantes de marcação com a volta de Dourado. Com todos os sete estrangeiros do grupo à disposição, o treinador terá que deixar dois atletas fora dos relacionados. 

Penso que Mercado e Cuestinha devem ir para o sacrifício. Palacios e Guerrero devem ser opções para o transcorrer da partida. Jogo duro. Será a chance de revanche para os colorados, que foram goleados no primeiro turno no Castelão por 5 a 1

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros