Gio Lisboa: o hexa da Copa São Paulo não veio para o Inter - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão Colorada18/01/2022 | 09h00Atualizada em 18/01/2022 | 09h00

Gio Lisboa: o hexa da Copa São Paulo não veio para o Inter

Mas não faltou garra e empenho da gurizada

Gio Lisboa: o hexa da Copa São Paulo não veio para o Inter Jota Finkler / SC Internacional/SC Internacional
Inter foi eliminado pelo Palmeiras na Copinha Foto: Jota Finkler / SC Internacional / SC Internacional

Tenho uma notícia ruim e várias boas. Começando pela ruim, infelizmente o hexa da Copa São Paulo não veio e, para nós torcedores, é frustrante não ganhar esse título que corrobora ainda mais com o trabalho bem feito pela diretoria guiada por Gustavo Grossi. Esse que assumiu, no dia 10 de março de 2021, a gerência executiva do Celeiro de Ases, conquistando três títulos com a gurizada.

Notícias boas: não faltou garra e empenho na Copinha, adjetivos que são essenciais para quem veste o manto colorado. Fora isso, fomos presenteados com o futebol de Estevão que, além de fisicamente nos lembrar da figura icônica do Perdigão antes do xis bacon, foi um dos destaques dessa competição e que já demonstra ter qualidade suficiente para ganhar chances no profissional.  

Outros destaques foram o atacante Lucca Holanda, o meio-campo e camisa 10 Alisson e o zagueiro João Félix, que demonstraram também merecer oportunidades no time principal. A pergunta que não quer calar é: esses jogadores terão tempo e paciência para desenvolver o seu futebol? Isso é uma pergunta que também se estende à torcida que, muitas vezes, se sente impaciente na evolução dos jogadores mais jovens. O que se sabe é: tem bola no corpo. E aí, vai jogar?  

Leia mais
David chega a Porto Alegre para assinar contrato com o Inter
Inter encara o Globo-RN na primeira fase da Copa do Brasil
Sem acerto com o River, Bustos segue na pauta do Inter

Sobre o time principal  

O treinador ''Cacique'' Medina se apresentou mostrando a que veio, um time com muita intensidade e futebol propositivo. Nos vídeos postados nas redes sociais do Inter, já se pode ver outra cara nos treinamentos. As chegadas dos atacantes Wesley Morais e David e dos meio-campistas Liziero e D'Alessandro deram sopro de esperança aos torcedores que esperam um time diferente das temporadas passadas.  

Mas o que seria o diferente?  Jogadores com a mentalidade campeã e que na hora do "vamo vê" sejam realmente decisivos e não se escondam do jogo. Então, Medina, você sabe que tem uma missão difícil: trazer os títulos que o Inter e a torcida colorada tanto merecem. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros