José Augusto Barros: o movimento de Douglas Costa para que sua relação com o Grêmio melhore   - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

Paixão tricolor14/01/2022 | 09h00Atualizada em 14/01/2022 | 09h00

José Augusto Barros: o movimento de Douglas Costa para que sua relação com o Grêmio melhore  

Atleta desmarcou a festa de casamento que ocorreria em janeiro deste ano

José Augusto Barros: o movimento de Douglas Costa para que sua relação com o Grêmio melhore   Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação/Grêmio/Divulgação
Douglas Costa desmarcou a festa de casamento que ocorreria durante a pré-temporada Foto: Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação / Grêmio/Divulgação

Confesso que me surpreendi com a reação positiva que recebi de algumas pessoas, na quinta-feira (13), por conta da coluna que escrevi, neste espaço, defendendo a "tese" de que era hora de deixar Douglas Costa trabalhar, para que prove em campo se valeu a pena seu pedido de desculpas. 

Durante o dia, em matéria do colega Marco Souza, de GZH, fomos informados que o atacante desmarcou a festa de casamento que ocorreria no Rio de Janeiro no próximo dia 19, no Copacabana Palace, e que nenhuma nova data foi acertada com o hotel ou com a empresa que organizaria o evento.

Foi mais um movimento para que a relação dele com o clube e com a torcida melhore, para que ele seja notícia apenas no que deve ser: em campo. Pode ser um bom indício de que as polêmicas estejam se afastando do Grêmio e que o clube tenha uma pré-temporada mais calma.

Leia mais
Douglas Costa cancela festa de casamento no Rio de Janeiro
Sem resposta do Grêmio, estafe de Jean Pyerre teme por desistência de clube turco
Sem acordo com árabes, volante Fernando Henrique deve seguir no Grêmio

Por outro lado, as chegadas e apresentações recentes de reforços me deixam com a sensação que teremos uma boa pré-temporada, com nomes adequados à nossa nova realidade, que ajudarão o clube a subir para a Série A. Entre as cinco contratações apresentadas até o momento, a que mais me anima é a do meia Martín Benítez. 

Estilo camisa 10 mais clássico, o argentino pode ser um belo acréscimo para a disputa da Série B, grande prioridade do ano, e para a Copa do Brasil, competição sempre mais difícil de beliscar o título, tendo em vista que temos adversários muito superiores, como Atlético-MG, Palmeiras e Flamengo. Mas, à primeira vista, e para a exigência do ano, creio que os reforços apresentados dão conta, de sobra, para que terminemos 2022 bem diferente do que terminamos em 2021. 

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros