Juiz de São Lourenço do Sul é afastado por favorecer amigos em decisões - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

31/05/2011 | 14h07

Juiz de São Lourenço do Sul é afastado por favorecer amigos em decisões

Diego Magoga Conde teria agido em benefício particular de um assessor

O Órgão Especial do Tribunal de Justiça afastou na noite de segunda-feira um juiz de São Lourenço do Sul, na metade sul do Estado, por improbidade. O magistrado Diego Magoga Conde foi colocado na chamada disponibilidade remunerada, porque foi constatado que deixou se influenciar pelo círculo de amizades na hora das decisões.

Segundo o relator, desembargador Arminio José Abreu Lima da Rosa, o magistrado fixou honorários elevados e sem controle e ainda liberou dois alvarás no valor de R$ 746 mil para um advogado amigo seu. Conde também teria agido em benefício particular de um assessor, em processo de liberação judicial de um veículo.

O juiz exercia a função há seis anos e três meses e não foi determinado o tempo em que ele deve permanecer em disponibilidade, o que significa que pode ser até o momento da aposentadoria.

Nessas condições, Conde receberá subsídio proporcional ao tempo de serviço, ou seja salário reduzido, e não pode exercer outra carreira.

RÁDIO GAÚCHA E ZERO HORA

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros