Versão mobile

13/01/2012 | 06h54

Um refresco neste verão: quanto custa a casquinha e o sacolé?

Com os termômetros nas alturas durante os últimos dias, fica difícil resistir às delícias refrescantes do verão

Enviar para um amigo
Um refresco neste verão: quanto custa a casquinha e o sacolé? Andréa Graiz/Agencia RBS
Os sacolés da dona Zilda Foto: Andréa Graiz / Agencia RBS

No Centro, as tradicionais máquinas que oferecem o doce cremoso são encontradas nas principais vias. Já nos bairros, é o sacolé que faz a alegria dos consumidores. A partir de R$ 0,25, é possível amenizar o calor e adoçar o dia.

Antes que derreta

Aproveitando a ida ao Centro na manhã de ontem, Jussara Lima Osório, 57 anos, não perdeu a chance de adoçar o dia.

Sempre que passa pela Avenida Salgado Filho, onde fica a máquina em que ela comprou a delícia gelada, a moradora da Lomba do Pinheiro (Zona Leste) não perde a chance de tentar driblar a alta temperatura, que batia nos 30ºC no momento em que ela escolheu um sorvete misto de morango e creme.


- É leve, refresca, é bom para aliviar o calorão - explica, rapidinho, antes que o doce derreta.

PREÇOS DO SORVETE NO CENTRO

- Casquinha - de R$ 1,50 a R$ 1,75
- Copo - de R$ 1,50 a R$ 2
- Cascão - de R$ 2 a R$ 2,50
- Supercascão - R$ 2,50
- Sundae - R$ 2,50

O pedido do verão

Há seis anos vendendo sorvete no Centro, Grazziele da Costa, 24 anos, tem uma clientela fiel. Ela diz que começa a vender o gelado em outubro - no inverno, aposta nos churros - e vai até março.

O horário de maior movimento costuma ser depois do almoço, pelas 13h. E a preferência dos clientes é garantida: cascão de chocolate e creme, como o que foi pedido por Tanara Martins, 26 anos.

- Quando passo, paro para comprar. É o pedido do verão, refresca - afirma.

Alegria da criançada

De frutas ou cremoso, os sacolés são imbatíveis. No Bom Jesus, dona Zilda Scheva Trindade, 81 anos, está com o freezer cheio de sacolés de fruta dos mais variados sabores.

Quem teve a ideia foi sua filha, para agradar as crianças da família. Mas a fama se espalhou e elas decidiram vender a R$ 0,25.

- A criançada se diverte, fica o dia todo chamando para comprar - conta Zilda.

Sonho de uma sorveteria

No Bairro Bom Jesus, também, Cleonice Florentino, 38 anos, colocou cartazes coloridos no portão para anunciar as vendas de doces gelados. Ela faz sacolés cremosos (como leite condensado, chocolate branco) ao custo de R$ 1. Já os sorvetes de sabores variados custam R$ 1,50.

- A criançada procura e vou variando os sabores ao gosto deles. Sempre tem que ter uma novidade - acredita.

A receita de Cleonice:

Para dois litros de sorvete, os ingredientes são os seguintes:

- 1 litro de leite
- 1 xícara de açúcar
- 1 colher de sopa de sorvetina do sabor escolhido
- 1/2 colher de sopa de liga neutra
- 1/2 xícara de gordura vegetal
- 1 xícara de leite em pó
- 1/2 colher sopa de emulsificante

Modo de fazer:
- Bata os ingredientes no liquidificador.
- Deixe descansar no freezer por duas horas.
- Bata na batedeira.

DIÁRIO GAÚCHO

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros