Justiça catarinense pune torcedores do Inter por briga em Criciúma - Diário Gaúcho

Vers?o mobile

 
 

Impedidos20/05/2014 | 21h00

Justiça catarinense pune torcedores do Inter por briga em Criciúma

Trio se envolveu em confusão no espaço reservado a apoiadores do próprio clube

Três torcedores do Inter estão impedidos de entrar em estádios durante jogos do clube depois de se envolverem em uma briga no Estádio Heriberto Hülse, no jogo contra o Criciúma, no domingo. Segundo o Tribunal de Justiça de Santa Catarina, a confusão teve início dentro da própria torcida colorada e teria sido motivada por "rixas antigas", conforme nota no site do tribunal.

Após assinar Termo Circunstanciado ainda no estádio catarinense, com a presença de um juiz e de um promotor, o trio aceitou realizar a transação penal. Com isso, eles deverão se apresentar à polícia de Canoas em dias de jogos do Inter "como mandante ou não, em qualquer competição nacional ou internacional", informou a Justiça.

Ainda conforme o acordo, os três torcedores precisarão chegar ao local indicado 30 minutos antes do início das partidas e só poderão sair decorridos 30 minutos após seu final. Cada um também terá de pagar meio salário mínimo a uma entidade beneficente de Criciúma. Os nomes não foram divulgados.

ZH ESPORTES

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros