Noite de Casa de Cultura e último fim de semana da Bienal: seis opções de graça no seu fíndi - Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Entretenimento na faixa01/06/2018 | 11h01Atualizada em 01/06/2018 | 12h49

Noite de Casa de Cultura e último fim de semana da Bienal: seis opções de graça no seu fíndi

Na CCMQ, acontece a estreia do projeto Casa Expandida, enquanto Bienal apresenta boas opções em sua programação paralela. 



TNT Charles Master e 50 Tons de Pretas inauguram o Casa Expandida

 CAXIAS DO SUL, RS, BRASIL, 23/11/2017 - 10ª Edição do Mississippi Delta Blues Festival ocorre nos dias 23, 24 e 25 de novembro, na Estação Férrea, em Caxias do Sul. NA FOTO: Charles Master,no palco Mojo Hand Stage. (Marcelo Casagrande/Agência RBS)
No cair da tarde, tem Charles MasterFoto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS

O ex-TNT Charles Master e o 50 Tons de Pretas abrem, neste sábado, o projeto Casa Expandida da Casa de Cultura Mario Quintana. Nesta primeira edição da iniciativa, a Casa ficará aberta até a meia-noite para visitação e shows, discotecagem do jornalista Roger Lerina e espaço gastronômico na Travessa dos Cataventos. 

Para começar com o pé direito, show do roqueiro Charles Master e do grupo 50 Tons de Pretas, que passeia pela música e pela cultura afro brasileira. 

Onde: Casa de Cultura Mario Quintana, Andradas, 736
Quando: neste sábado, a partir das 18h

Encerramento da Bienal tem boas atividades paralelas

bandão da oficina de choro santander cultural.
Oficina de Choro do SantanderFoto: Divulgação / Divulgação

No último fim de semana da Bienal do Mercosul, além da mostra, o público pode conferir belas atrações paralelas, até domingo. 

Neste sábado, acontece a Concerto de encerramento do I Cordas POA, que reúne importantes professores e instrumentistas brasileiros e estrangeiros. Neste domingo, alguns dos destaques são a apresentação da Oficina de Choro do Santander Cultural e o show do grupo Maracatu Truvão. 

Onde e quando: Neste sábado, as funções rolam na Praça dos Cofres, no Santander Cultural, Sete de Setembro, 1.028, a partir das 18h. Neste domingo, tudo acontece em frente ao Memorial do RS, na Praça da Alfândega, a partir das 11h. Já as exposições da Bienal acontecem no Margs, no Memorial do Rio Grande do Sul, no próprio Santander Cultural, Praça da Alfândega, Igreja Nossa Senhora das Dores e na Comunidade Quilombola do Areal. Mais informações e horários, acesse o site da Bienal. 

Comunidade Judaica celebra o Estado de Israel

Neste domingo, rola uma das mais tradicionais festividades judaicas, a Festa na Rua. A função celebra os 70 anos da independência do Estado de Israel, comemorada oficialmente no dia 14 de maio, e terá, além de comidas típicas, apresentação de músicas e danças folclóricas no palco. 

Onde: Rua João Telles, entre a Henrique Dias e Avenida Oswaldo Aranha
Quando: neste domingo, das 10h às 17h

Roda de samba para agitar o sábado

No Samba dos Amigos, diversos músicos da Capital se reúnem em uma grande roda, para começar bem a noite de sábado. No repertório, além de clássicos do gênero, tem canções de bandas locais, como Pagode do Dorinho. 

Onde: Butikim do Lelo, Martin Félix Berta, 338
Quando: neste sábado, a partir das 18h

Em São Leo, tem Samuca & Pé no Samba

samuca & pé no samba, grupo, são leopoldo.
Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Em São Leopoldo, rola mais uma edição do Bonifácio ao Ar Livre, para terminar o domingo numa boa vibração. No palco, quem comanda a festa é o grupo Samuca & Pé no Samba, uma das novas bandas da região. No repertório, sucessos clássicos, além de faixas próprias.

Onde: Bonifácio, José Bonifácio, 1.115, em São Leopoldo
Quando: neste domingo, a partir das 17h30min





 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros