Policial aposentado é torturado e morto em Cachoeirinha - Polícia - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Crime bárbaro22/05/2012 | 09h43

Policial aposentado é torturado e morto em Cachoeirinha

Ari Schuck, 60 anos, teve um dedo da mão amputado e morreu asfixiado por um cinto

Um policial civil aposentado foi torturado e morto dentro de casa na madrugada desta terça-feira em Cachoeirinha, na Região Metropolitana.

Segundo a Brigada Militar, por volta de 2h, dois homens invadiram a residência onde Ari Schuck, 60 anos, morava com a mulher no bairro Parque Silveira Martins, enquanto o casal dormia. A mulher teria sido amarrada a uma cadeira na cozinha enquanto Schuck era torturado no quarto. O aposentado teve um dedo da mão amputado e morreu asfixiado por um cinto.

A mulher de Schuck não ficou ferida e a dupla fugiu sem levar o dinheiro que o casal guardava em casa. Cogita-se que uma arma possa ter sido roubada, mas a informação não foi confirmada.

A 1ª Delegacia de Polícia de Cachoerinha investiga o caso.

ZERO HORA

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros