Morador de rua que amedrontava no Bairro Menino Deus, em Porto Alegre, é preso - Polícia

Vers?o mobile

 
 

Das esquinas para a cadeia03/12/2014 | 20h43

Morador de rua que amedrontava no Bairro Menino Deus, em Porto Alegre, é preso

Andarilho que praticava assaltos a pedestres e arrombava veículos no bairro foi preso. Ele ainda é suspeito de estuprar jovem de 20 anos

Morador de rua que amedrontava no Bairro Menino Deus, em Porto Alegre, é preso divulgação/Polícia Civil
Hamilton Cesáreo de Abreu ainda é suspeito de estuprar jovem de 20 anos. Polícia acredita que número de vítimas passe de uma dezena Foto: divulgação / Polícia Civil

Moradores do Bairro Menino Deus, em Porto Alegre - especialmente as mulheres - têm um motivo para respirar aliviados. A polícia prendeu, na tarde desta quarta-feira, um morador de rua que estava aterrorizando a vizinhança. Praticava assaltos a pedestres, arrombava veículos e é investigado, inclusive, por uma tentativa de estupro. Hamilton Cesáreo de Abreu, 25 anos, foi preso em cumprimento de mandado de prisão preventiva e encaminhado ao Presídio Central.

Segundo o titular da 2ª Delegacia de Polícia da Capital, César Carrion, a polícia estima que o morador de rua tenha feito, pelo menos, dez vítimas. O caso mais grave é o de uma menina de 20 anos que foi atacada por ele nas proximidades do shopping Praia de Belas e só não foi estuprada porque conseguiu escapar a tempo. A vítima reconheceu o criminoso na delegacia.

- Ela ia para casa, em direção a Borges de Medeiros quando ele a pegou. Tapou a boca da menina para que ela não gritasse e a arrastou para perto de uma mureta de um terreno vazio, a alguns metros dali. Não chegou a consumar o estupro porque ela conseguiu fugir em um momento de distração, mas a molestou -contou o delegado.

Ainda conforme o policial, o morador de rua é conhecido no bairro por pedir dinheiro nas sinaleiras. Costumava ficar nas esquinas das avenidas Getúlio Vargas e Ipiranga, era usuário de crack e tem uma extensa ficha criminal.

- Ele ataca, principalmente, mulheres, mas as vítimas têm medo de reconhecer por morarem no bairro. Temos muitas ocorrências contra ele e, agora, esperamos que as pessoas venham reconhecê-lo - aponta César.

A 2ª DP fica na Avenida Getúlio Vargas, 1250, Bairro Menino Deus. Telefone: 3219-5394

DIÁRIO GAÚCHO

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros