Identificada transexual morta a tiros em Porto Alegre - Polícia - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Violência04/06/2015 | 11h30

Identificada transexual morta a tiros em Porto Alegre

Andréia Amado foi abordada por três homens no Bairro Floresta antes de ser morta a tiros. Polícia investiga possibilidade de que ela estivesse se prostituindo no local

Identificada transexual morta a tiros em Porto Alegre Arquivo Pessoal/Divulgação
Andréia trabalhava como maquiadora Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação
Foi identificada como Andréia Amado, 29 anos, a transexual morta a tiros pouco depois da 1h desta quinta-feira, na Rua Câncio Gomes, Bairro Floresta, em Porto Alegre. Segundo testemunhas, três homens teriam se aproximado dela e, depois de fazerem uma pergunta, atiraram. Os assassinos teriam fugido em um táxi.

Leia mais notícias sobre homicídios

Andréia havia nascido Andrey Felipe Amado e era maquiadora, mas teria se afastado da profissão. A polícia investiga a possibilidade de que ela estivesse se prostituindo no local onde foi morta. O caso é apurado pela 2ª DHPP, que ainda não tem suspeitos. Câmeras de monitoramento de edifícios próximos terão as imagens analisadas a partir de hoje.

Leia mais notícias do dia

DIÁRIO GAÚCHO

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros