Casal é assassinado a tiros dentro de motel em Candelária - Polícia

Vers?o mobile

 
 

Duplo homicídio06/10/2015 | 20h59

Casal é assassinado a tiros dentro de motel em Candelária

Polícia já identificou o suspeito, que teria alugado um quarto antes de invadir o local onde estavam jovens de 26 e 29 anos

Um duplo homicídio foi registrado nesta terça, em um hotel situado às margens da RSC-287, em Candelária, no Vale do Rio Pardo. De acordo com a Polícia Civil, no meio da tarde, Tatiane de Oliveira Cortes, 29 anos, e Juliano Ederson Rodrigues Tavares, 26 anos, foram mortos a tiros dentro de um dos quartos do Motel Lago Azul.

Segundo o delegado Rodrigo Marquardt da Silveira, o suspeito teria achegado ao estabelecimento um pouco antes do casal chegar e também teria alugado um quarto. Por volta das 15h30min, o homem, que já foi identificado, arrombou a porta de onde Tatiane e Tavares estavam e baleou as vítimas, que morreram na hora.

Homem é morto em bar em Novo Hamburgo
Refém é jogado do telhado durante rebelião em presídio de Londrina

O autor dos disparos fugiu em um carro, que já foi identificado e está sendo procurado pela polícia. O delegado não revela a identidade do suspeito e nem o tipo de relacionamento das vítimas para não atrapalhar as investigações, apenas que os três são moradores de Candelária.

— Nossa principal linha de investigação é de crime passional, mas ainda não quero dar detalhes para não atrapalhar — limitou-se a dizer Silveira.

Carlos Etchichury: os abusos da polícia e as corregedorias virtuais
Leia todas as notícias sobre Polícia

Uma equipe do Instituto-Geral de Perícias de Santa Maria esteve no motel para coletar informações. Já os corpos foram encaminhados para necropsia n o Departamento Médico Legal de Santa Cruz do Sul. Somente o exame vai apontar quantos tiros foram disparados contra o casal.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros