Dois homens são condenados por morte de menina de 4 anos em Cachoeirinha - Polícia

Versão mobile

 

Justiça19/03/2018 | 14h35Atualizada em 19/03/2018 | 14h35

Dois homens são condenados por morte de menina de 4 anos em Cachoeirinha

Rafaela dos Reis Braga foi atingida na nuca por disparo efetuado pela dupla na direção de desafeto em uma lanchonete em junho de 2011

Dois homens são condenados por morte de menina de 4 anos em Cachoeirinha Eduardo Torres/Especial
Vida de Rafaela dos Reis Braga foi interrompida por tiro disparado por traficantes de droga Foto: Eduardo Torres / Especial

Dois homens foram condenados pelo homicídio de Rafaela dos Reis Braga, 4 anos, ocorrido em uma lanchonete da Rua Rio Branco, em Cachoeirinha, na Região Metropolitana, em junho de 2011. A menina jantava com os pais quando foi atingida na nuca por uma bala perdida de uma pistola. 

 Leia outras notícias do Diário Gaúcho   

A investigação da Polícia Civil concluiu que o objetivo dos atiradores era atingir somente Denison Luis Corrêa Franco, 29 anos, por uma desavença ligada ao tráfico de drogas. O homem correu para dentro da lanchonete, onde estava a menina, mas acabou perseguido e morto também pelos atiradores. 

Foram condenados por duplo homicídio qualificado Jonas de Moraes Felisberto e Lucas Carvalho de Borba. O primeiro deve cumprir pena de 27 anos, 6 meses e 20 dias, e o segundo,de 24 anos, 10 meses e 20 dias. O júri ocorreu na noite da última quarta-feira (14) no Fórum de Cachoeirinha. A Brigada Militar participou para garantir a segurança. 

Um terceiro homem foi indiciado pela Polícia Civil como mandante do crime. Jackson dos Santos Moreira, o Batata, chegou a ser preso, após agentes o monitorarem em um mercado, em Gravataí. O réu foi submetido ao júri e acabou absolvido das acusações, em janeiro de 2013. 

À época, o crime chocou a cidade e gerou grande repercussão na imprensa.

 Leia outras notícias do Diário Gaúcho   

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros