Sete pessoas são presas em operação contra tráfico de drogas em festas na Região Metropolitana - Polícia

Versão mobile

 

Polícia Civil25/05/2018 | 10h12Atualizada em 25/05/2018 | 10h12

Sete pessoas são presas em operação contra tráfico de drogas em festas na Região Metropolitana

Presos lucravam com a venda de drogas como ecstasy, LSD e entorpecente à base de anestésico indicado para cavalos

Sete pessoas são presas em operação contra tráfico de drogas em festas na Região Metropolitana Polícia Civil / Divulgação/Divulgação
Quadrilha era responsável por fornecer diferentes drogas sintéticas durante os eventos Foto: Polícia Civil / Divulgação / Divulgação

Uma operação da Polícia Civil prendeu, na manhã desta sexta-feira (25), sete pessoas por tráfico de drogas em Canoas e Nova Santa Rita, na Região Metropolitana. Conforme a investigação da 3ª Delegacia de Polícia de Canoas, a quadrilha era responsável por fornecer diferentes drogas sintéticas durante festas. 

 Leia outras notícias do Diário Gaúcho   

A investigação começou ainda em 2017. O delegado Cleomar Marangoni afirma que os presos são um grupo de amigos, que em sua maioria possuem outras profissões, mas que durante os eventos lucravam com a venda de drogas como ecstasy, LSD e um outro entorpecente à base de quetamina — um anestésico usado em cavalos. 

— Nessas festas, normalmente, é alugado um pavilhão. As pessoas que compram ingresso podem entrar com a própria bebida. Daí a facilidade desses jovens, na maioria de classe média, para entrar com drogas para fazer a venda — explica o delegado.

De acordo com a polícia, algumas porções de drogas sintéticas foram apreendidas durante a operação. Foram cumpridos oito mandados de prisão e 10 de busca e apreensão. Participaram da ação mais de 50 policiais em pelo menos 20 viaturas. 

 Leia outras notícias do Diário Gaúcho   


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros