Criminosos tentam matar homem e atingem bebê de quatro meses com tiro na cabeça em Esteio - Polícia

Vers?o mobile

 
 

Região Metropolitana10/10/2019 | 07h46

Criminosos tentam matar homem e atingem bebê de quatro meses com tiro na cabeça em Esteio

Criança foi levada para hospital de Porto Alegre. Segundo Polícia Civil, estado de saúde é delicado

GaúchaZH
GaúchaZH

Correção: o bebê ferido na cabeça tem quatro meses e não cinco, como informado das 14h20min às 14h55min desta quarta-feira (8). A notícia foi corrigida.

Um crime chocou a comunidade de Esteio nesta quarta-feira (9). Segundo o delegado Tiago Lacerda, durante a madrugada, um bebê de quatro meses foi atingindo na cabeça por um tiro durante a tentativa da assassinato de um familiar da criança.

Conforme a Polícia Civil, os criminosos teriam chegado em frente à residência do pai da criança, que dormia com a criança e a mãe dela.

Segundo o delegado, que está no local, foram efetuados diversos disparos e um dos que atravessou a porta da moradia, que é de madeira, atingiu a criança. A menina foi levada para o Hospital São Camilo, onde teve os primeiros atendimentos.

Depois, foi transferida para o Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre. A instituição de saúde não informa a o estado de saúde da criança. Segundo o titular da 2ª Delegacia Regional Metropolitana, delegado Mario Souza, a situação do bebê inspira cuidados.

— Está em estado delicado, mas está viva. Nesse momento, o objetivo principal é a saúde da criança. Estamos priorizando o caso de forma absoluta.

Conforme a investigação inicial, a motivação do ataque está relacionada às disputas pela venda de drogas dentro de uma mesma facção que atua no bairro, e o familiar da criança teria ligação com esse grupo criminoso. A DP de Esteio pretende ouvir familiares da criança nesta tarde.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros