Filho de dono de madeireira assassinado em Gravataí foi morto de forma semelhante ao pai - Polícia

Versão mobile

 
 

Região Metropolitana09/10/2020 | 09h53

Filho de dono de madeireira assassinado em Gravataí foi morto de forma semelhante ao pai

Michael Francisco da Silveira, de 35 anos, morreu em julho de 2017 na madeireira do qual era proprietário

Filho de dono de madeireira assassinado em Gravataí foi morto de forma semelhante ao pai Eduardo Paganella/Agencia RBS
Madeireira Monte Belo, em Gravataí Foto: Eduardo Paganella / Agencia RBS
Liliane Pereira
Liliane Pereira

A morte de Aldair Francisco da Silveira, 63 anos, proprietário de uma madeireira que foi assassinado nesta quinta-feira (8) no próprio estabelecimento, em Gravataí, não é o primeiro caso na família. Há pouco mais de três anos, em 13 de julho de 2017, o filho de Aldair, Michael Francisco da Silveira, também foi morto da mesma forma.

O caso aconteceu em uma madeireira localizada na RS-020, em Gravataí, da qual Michael era o dono. Conforme o relato da Brigada Militar na época, dois homens chegaram ao local em uma motocicleta, um deles entrou no estabelecimento e efetuou os disparos.

O proprietário, de 35 anos, foi baleado na cabeça e encontrado já sem vida no local. Conforme a Polícia Civil, o caso de 2017 não teve uma resolução.

Sobre o caso ocorrido nesta quinta-feira, as autoridades também afirmam que nenhuma linha de investigação é descartada até o momento, e que ainda não é possível afirmar se há ou não uma ligação entre os dois assassinatos. Até o momento, não há informações sobre os suspeitos ou a motivação do crime.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros