Justiça decreta prisão preventiva de mãe de bebê recém-nascida arremessada de ônibus em Panambi - Polícia

Versão mobile

 
 

Noroeste do RS02/07/2021 | 09h41Atualizada em 02/07/2021 | 09h43

Justiça decreta prisão preventiva de mãe de bebê recém-nascida arremessada de ônibus em Panambi

Criança teve traumatismo craniano e segue internada em uma UTI neonatal região

Justiça decreta prisão preventiva de mãe de bebê recém-nascida arremessada de ônibus em Panambi Polícia Civil / Divulgação/Divulgação
Polícia Civil cumpriu nesta quinta-feira um mandado de busca e apreensão na casa da jovem Foto: Polícia Civil / Divulgação / Divulgação

A Justiça decretou a prisão preventiva da mãe de uma bebê recém-nascida arremessada pela janela de um ônibus na madrugada desta quarta-feira (30), em Panambi, no noroeste do RS. A jovem de 20 anos foi ouvida pela Polícia Civil e contou que entrou em trabalho de parto dentro do coletivo intermunicipal. A recém-nascida foi encontrada dentro de uma sacola em uma rua da área central da cidade. 

— A suspeita admitiu ter jogado a criança da janela do ônibus. Disse que escondeu a gravidez dos seus parentes e que não sabe quem é o pai da criança. Essa seria a razão pela qual ela teria jogado a criança pela janela do ônibus — disse o delegado Gustavo Fleury.

Câmeras de segurança registraram a recém-nascida sendo arremessada do ônibus. A Polícia Civil cumpriu nesta quinta-feira (1º) um mandado de busca e apreensão na casa da jovem, no município de Dezesseis de Novembro.

— As roupas que ela vestia enquanto teve o bebê dentro do ônibus e o seu celular foram apreendidos. Seguimos trabalhando, inquirindo outras pessoas na cidade. Após os trâmites da polícia judiciária, ela será encaminhada ao sistema prisional — complementou o delegado.  

A polícia afirmou ter encontrado manchas de sangue no banheiro e em um dos assentos do coletivo. O ônibus saiu de Porto Alegre com destino São Nicolau, nas Missões. O coletivo realizou paradas nas cidades de Panambi, Guarani das Missões, Cerro Largo, São Pedro do Butiá, Roque Gonzales e Dezesseis de Novembro, local onde ocorreu o desembarque da passageira.

Após ser resgatada pela BM, a criança foi levada ao Hospital Panambi. De acordo com a equipe de saúde, a recém-nascida mede 46 centímetros e tem 2,7 kg. Ela estava hipotérmica e com o coração batendo mais fraco do que o normal, além de apresentar hematomas no corpo. A recém-nascida passou por exames de sangue e tomografia, que apontou traumatismo no crânio. Ela foi transferida a UTI neotal do hospital Vida & Saúde, em Santa Rosa, onde segue internada. 

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros