PM reage e mata assaltante na zona norte de Porto Alegre - Polícia

Versão mobile

 
 

Passo D´Areia24/11/2021 | 07h00Atualizada em 24/11/2021 | 07h00

PM reage e mata assaltante na zona norte de Porto Alegre

Caso ocorreu na Rua Veríssimo de Amaral, próximo ao Parque Germânia

PM reage e mata assaltante na zona norte de Porto Alegre Eduardo Paganella / RBS TV/RBS TV
Área onde ocorreu o ataque ficou isolada para trabalho de perícia Foto: Eduardo Paganella / RBS TV / RBS TV

Um assaltante foi morto por um policial militar na noite desta segunda-feira (22) no bairro Passo D'Areia, na zona norte de Porto Alegre. O fato ocorreu por volta das 20h30min na Rua Veríssimo de Amaral, próximo ao Parque Germânia.

Segundo a Brigada Militar, o soldado do 11º Batalhão de Polícia Militar (11º BPM) estava de folga, sentado em um banco na via pública, quando dois homens o abordaram. Eles estavam em duas motocicletas. A dupla anunciou o assalto, e um deles chegou a apontar a arma em direção ao PM, que reagiu e atirou.

— O policial já tinha percebido a aproximação deles e, quando anunciaram o assalto, ele conseguiu reagir, efetuando os disparos. Estava sozinho — explica o comandante do 11º BPM, tenente-coronel Luís Felipe Neves Moreira.

Leia mais
Mais de 200 garrafas de bebidas falsificadas são apreendidas em Cachoeirinha
"Não tinha um dia em que eu não falava com ela", diz mãe de jovem de 15 anos desaparecida há oito dias na Região Central
Voluntários da Casa da Sopa do Jardim Castelo, em Viamão, celebram a conquista de prédio novo

Um dos assaltantes caiu no chão devido aos ferimentos. O PM chamou o Samu, que tentou reanimá-lo, mas o homem morreu no local. O nome não foi divulgado pela Polícia Civil, mas a reportagem de GZH confirmou tratar-se de Roger Rodrigues Oliveira, de 27 anos.

Conforme a Polícia Civil, ele estava com uma mochila de entregador, o que deve ser objeto de investigação. Ele tinha passagens pela polícia por ameaça, receptação, porte ilegal de arma de fogo e formação de quadrilha.

O outro homem conseguiu fugir, mas foi localizado mais tarde com um ferimento no braço no Hospital de Viamão. Ele foi preso em flagrante.

A área onde ocorreu a ação foi isolada até a chegada da perícia. O PM não ficou ferido.

O caso será investigado pela 14ª Delegacia de Polícia. No entanto, a documentação ainda não tinha sido encaminhada à DP até o fim da manhã desta terça-feira (23).

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros