Mais seis ataques com pedras são registrados na freeway, em Porto Alegre - Polícia

Versão mobile

 
 

Na chegada à Capital06/01/2022 | 09h57Atualizada em 06/01/2022 | 09h58

Mais seis ataques com pedras são registrados na freeway, em Porto Alegre

Ocorrências foram registradas entre as 21h45min e as 22h15min desta quarta-feira

Mais seis ataques com pedras são registrados na freeway, em Porto Alegre Ronaldo Bernardi / Agencia RBS/Agencia RBS
Apenas um motorista procurou a Polícia Civil para registrar boletim de ocorrência Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS / Agencia RBS

A freeway voltou a registrar ataques com pedras contra veículos na noite desta quarta-feira (5). Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), foram ao menos seis casos, nas imediações da antiga ponte do Guaíba, mesmo local onde a passageira de um carro foi atingida por um paralelepípedo, no ano passado, e morreu no dia seguinte.  

Os fatos ocorreram entre as 21h45min e as 22h15min. Entre os veículos que foram alvo dos ataques, estão quatro carros, uma ambulância e um ônibus, conforme a PRF. Apenas um motorista procurou a Polícia Civil para registrar boletim de ocorrência. 

Em junho do ano passado, uma mulher de 45 anos morreu após ter sido atingida por um paralelepípedo dentro do carro em que estava. Munike Fernandes Krischke era passageira do veículo, que se deslocava em direção à zona sul da Capital. Ela estava acompanhada do marido, com quem iria comemorar o Dia dos Namorados. 

Denúncias podem ser repassadas pelos seguintes telefones: 0800 642 0121 e (51) 3288 2425 da Polícia Civil ou pelo 191 da PRF e pelo 198 do Comando Rodoviário da BM. 

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros