Como aproveitar o espumante no fim de ano sem gastar tanto - Informações sobre finanças, guias e outras utilidades no Diário Gaúcho

Um brinde17/11/2016 | 20h12Atualizada em 17/11/2016 | 20h14

Como aproveitar o espumante no fim de ano sem gastar tanto

Produto típico das festas de final de ano está mais caro neste ano 

Como aproveitar o espumante no fim de ano sem gastar tanto Félix Zucco/Agencia RBS
Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Indispensáveis no brinde de final de ano, os espumantes são os produtos típicos que estarão mais caros neste ano em relação a 2015. Conforme pesquisa da Associação Gaúcha de Supermercados (Agas), o preço médio da bebida subiu 10,6% em relação a Natal e Ano-Novo passados — um pouco acima dos demais itens tradicionais das ceias, que saltaram 8,2%.

Mesmo com o reajuste, poucos consumidores estão dispostos a abrir mão das borbulhas: a expectativa dos supermercados é de vender 4,5% a mais ao final deste ano, ou 4,8 milhões de garrafas — 95% produzidas na Serra Gaúcha. A pesquisa mostrou que, na opinião dos consumidores, o espumante é o item mais importante para o Réveillon.

— A boa notícia é que existem espumantes bons e baratos na casa dos R$ 50 — aponta o sommelier João José Oliveira Junior — Temos as cavas catalãs, as borbulhas famosas da África do Sul e, é claro, os ótimos produtos feitos aqui no Brasil, dentre outros exemplares espalhados pelo mundo.

Leia mais:
Saiba quando vale a pena fazer compras no atacarejo
Com taxas mais baixas, consórcio é opção para quem quer adquirir um bem de forma planejada


Ele indica a pesquisa como estratégia fundamental para garimpar produtos bons e em conta. A internet é um aliado importante, por meio do site das próprias vinícolas ou de sites especializados em vinhos e espumantes. O consumidor precisa ficar atento ao prazo de entrega — que pode ser mais longo em razão do aumento da demanda sazonal — e os custos do frete, que podem esticar em demasia o valor da compra.

Outras opções são casas especializadas em vinhos e espumantes, que costumam oferecer ofertas vantajosas para grandes quantidades. Os supermercados também costumam fazer ofertas nas semanas que antecedem as festas de final de ano. A sugestão é não perder tempo: as melhores ofertas dificilmente duram até a véspera das festas.

— Com boa pesquisa, pode-se encontrar variedades que custam até 40 vezes menos em comparação aos champagnes mais tops — compara o sommelier.

Economia nas borbulhas: boas opções de espumantes por até R$ R$ 55

— Ponto Nero Brut Celebration: elaborado com uvas do Vale dos Vinhedos com 30% de chardonnay, 30% de rielsing, 20% de pinot noir e 20% de prosecco. R$ 32,30.

— Cordelier Moscatel: feito em Bento Gonçalves, possui coloração esverdeada, de baixa intensidade com borbulhas finas e intensas. R$ 33,90.

— Adolfo Lona Brut Rosé: feito na Serra Gaúcha, tem a presença marcante do pinot e a elegância sutil da chardonnay. R$ 45.

— La Chamiza Brut: bebida de Mendoza com toque frutado cítrico das uvas chenin blanc e chardonnay. R$ 46.

 Miolo Cuvée Tradition Brut: feito na Serra Gaúcha com as uvas pinot noir e chardonnay, mostra aromas delicados de frutas como melão e abacaxi associado a tostado elegante. R$ 49,49.

— Santa Digna Estelado Branco Brut: chileno elaborado com a uva do país pelo método tradicional que mostra floral e toques de pão torrado. R$ 51,60.

— Valmarino Brut Rosé: feito em Pinto Bandeira com as uvas sangiovese e pinot noir, mostra aromas de frutas vermelhas frescas. R$ 46.

— Casa Valduga Arte Tradicional Brut: elaborado no Vale dos Vinhedos com 60% de chardonnay e 40% de pinot noir pelo método champenoise. R$ 53,76


Aposte nos gaúchos
* Juliana Palma, editora do Destemperados

Como espumante é um dos itens que não podem faltar nas festas de fim de ano — pelo menos para brindar com a família e os amigos, não é? —, minha dica é apostar em rótulos brasileiros e, principalmente, gaúchos. Seja Moscatel, Brut ou Rosé, não importa o seu preferido, as vinícolas daqui têm ótimas opções para todos os gostos e bolsos.

Produzidos em diferentes regiões do Estado, os espumantes daqui são alguns dos melhores que já experimentei. Refrescantes, combinam não só com as festas mas também com o verão que está chegando. Podem ser encontrados em supermercados e lojas especializadas, mas se você quiser um preço mais acessível, minha sugestão é comprar diretamente nas vinícolas, e ainda aproveitar o passeio. A maioria delas está localizada na Serra, mas há algumas na Campanha e na região dos Campos de Cima da Serra. Aliás, nesta época do ano, os vinhedos estão brotando, o cenário é imperdível.


Fontes: sommelier João José Oliveira Junior, Cost Bebidas, Vinhos e Sabores, Wine.com.br e sites das vinícolas.

 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • diario_gaucho

    diario_gaucho

    Diário GaúchoMissa de sétimo dia homenageia as 71 vítimas do acidente com avião da Chapecoense https://t.co/0A2E2J9sp2 https://t.co/3JEvK5fFLEhá 35 segundosRetweet
  • omartinns

    omartinns

    NICOLAS MARTINS RT @henriqdp: separando 1 real pra comprar o diário gaúcho com o poster do gremio amanhãhá 10 minutosRetweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros