Ponte que liga Porto Alegre a Alvorada representa perigo para pedestres e motoristas - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Seu problema é nosso03/10/2016 | 08h24Atualizada em 03/10/2016 | 18h42

Ponte que liga Porto Alegre a Alvorada representa perigo para pedestres e motoristas

A estrutura começou a se deteriorar há cerca de três anos

Ponte que liga Porto Alegre a Alvorada representa perigo para pedestres e motoristas Leitor DG/Arquivo Pessoal
Foto: Leitor DG / Arquivo Pessoal
Diário Gaúcho
Diário Gaúcho

Diariamente, no início e no fim do dia, pedestres e veículos precisam disputar espaço em uma ponte que liga a Zona Norte de Porto Alegre e o município de Alvorada.

A falta de proteção lateral e de uma passagem exclusiva para pedestres, além da má conservação da estrutura, preocupa quem utiliza o local e está sofrendo com a falta de segurança. A ponte fica no final da Rua Eduardo Nadruz, Vila Nova Gleba, Bairro Rubem Berta, na Capital.

O cobrador de ônibus Márcio Prestes dos Santos, 37 anos, que mora no Bairro Passo Feijó, em Alvorada, e trabalha na Zona Norte da Capital, relata que a ponte começou a se deteriorar há cerca de três anos. Segundo ele, está cada vez mais complicado passar pelo local, tanto a pé quanto de carro.

Leia mais notícias da seção Seu Problema é Nosso!

Escuridão

Márcio reclama ainda da falta de iluminação pública no local há pelo menos dois anos, o que deixa a passagem escura e facilita a ação de assaltantes.

— As ferragens já estão aparecendo, e o risco de acidentes é muito grande, pois os pedestres passam entre os carros. Nos horários de pico, é uma tranqueira, porque só passa um carro por vez — reclama.

Ninguém quer

Segundo ele, existia uma passagem de madeira que permitia o tráfego de pedestres sem risco de atropelamento. Há dois anos, porém, essa estrutura caiu e não foi reerguida. O grande entrave para resolver os problemas é que ninguém sabe de qual prefeitura é a responsabilidade pela manutenção da ponte.

O morador queixa-se que nem Alvorada, nem Porto Alegre querem assumir o compromisso.

Leia mais
Falta de poste de iluminação em acesso de Porto Alegre motiva constantes assaltos
Vazamento de esgoto foi consertado, mas calçada ficou quebrada em rua de Porto Alegre

— Isso aqui é uma guerra entre cidades. Mas eu acho que tem que melhorar para existir mais segurança para os moradores — comenta.

Márcio explica que os outros dois acessos principais para Porto Alegre ficam mais distantes do bairro. Por isso, ele vê a necessidade de que uma nova e maior estrutura seja construída para que os moradores não precisem percorrer um caminho muito maior para acessar a Capital.

Sem prazo para obras

A Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov) da Capital esclareceu que, após ser contatada pelo Diário Gaúcho, realizou uma vistoria na ponte citada nesta reportagem, na sexta-feira passada. Nessa primeira visita, foi constatada a necessidade de manutenção da estrutura.

De acordo com a Smov, ainda nesta semana, técnicos devem iniciar um estudo para decidir qual o serviço mais adequado para o local. No entanto, a secretaria não informou o prazo para que as obras comecem.


 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • diariomensajero

    diariomensajero

    El MensajeroComienza hoy la Fiesta Nacional del Gaucho https://t.co/axCc5139UShá 1 horaRetweet
  • Duducker

    Duducker

    Eduardo Beckerhttps://t.co/0E5hrPnGXN via @diario_gauchohá 1 horaRetweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros