Com único médico em férias, pacientes de UBS na Restinga ficam sem consultas - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Seu problema é nosso04/04/2017 | 08h30Atualizada em 04/04/2017 | 09h19

Com único médico em férias, pacientes de UBS na Restinga ficam sem consultas

Casos graves e pedidos de receitas de medicamentos controlados serão atendidos por outras unidades de saúde

Com único médico em férias, pacientes de UBS na Restinga ficam sem consultas Ronaldo Bernardi/Agencia RBS
Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

As cadeiras vazias na recepção da Unidade Básica de Saúde (UBS) Chácara do Banco, no Bairro Restinga, em Porto Alegre, não são sinal de que todos os pacientes já foram atendidos. Elas apontam um problema que prejudica parte dos cerca de 3,7 mil usuários do posto há dez dias. O médico clínico geral está de férias, e quem precisa de uma consulta simples terá de esperar até a sua volta. Nas portas da unidade, dois cartazes dão esta orientação.

Leia mais notícias da seção Seu Problema é Nosso!

Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

Na semana passada, a técnica de enfermagem Agata Soares, 28 anos, foi cedo ao posto, marcar uma consulta.

— Vi a plaquinha que diz que o médico está de férias, aí perguntei o que eu deveria fazer. Me responderam que não havia médico e que eu tinha duas opções: esperar ele voltar ou procurar outro lugar — contou, ontem de manhã.

Para piorar, segundo ela, no Hospital da Restinga e Extremo Sul, a espera é grande:

— Quando procurei o postinho, não era grave. Mas, se fosse algo mais sério, ia penar. Outro dia, fui à emergência do Hospital da Restinga com dor de garganta. Já estava havia mais de três horas lá e não podia mais esperar. Passei em uma farmácia e me automediquei.

Agata não conseguiu consulta na UBS Chácara do Banco Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

Até o São Lucas

Outro morador que passou por situação parecida foi o segurança Willian Lopes Aires, 32 anos. Ele levou a esposa, grávida, para consultar na UBS Chácara do Banco e, quando o casal chegou lá, foi atendido por um enfermeiro.

— Ele disse que não podia ajudá-la e que devíamos ir para o Hospital São Lucas, da Puc. É longe da nossa casa, mas a levei mesmo assim, pois não podemos esperar o médico voltar de férias — disse Willian.

Leia mais
Sem limpeza há dois anos, terreno baldio em Alvorada vira depósito irregular de lixo
"Espero que não falte mais", diz idosa que recebeu alimento especial após dois meses de atraso
Contemplada pelo Orçamento Participativo em 2010, avenida de Viamão ainda não foi asfaltada

Profissional só volta em 20 dias

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) informou que o médico da unidade retornará de férias em 20 dias. Durante o período, quem precisa de receitas para remédios controlados deve procurar a Unidade de Saúde Restinga (Rua Abolição, 850).

Ainda segundo a SMS, urgências são encaminhadas para outras unidades ou Pronto-Atendimentos. Pacientes que, após avaliação da equipe de enfermagem, apresentarem sintomas mais simples ou casos de baixo risco – como um resfriado sem febre – estão sendo orientados a aguardar a volta das férias do médico.

Os cartazes que alertavam sobre as férias deveriam ser retirados ainda hoje do posto, segundo orientação da SMS. A prefeitura explicou que a quantidade de profissionais daquela UBS está de acordo com a Política Nacional de Atenção Básica (PNAB) do Ministério da Saúde.


 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • McMarcinho_Ofi

    McMarcinho_Ofi

    Mc MarcinhoAlô galera daqui a pouco vai começar a Live aqui no diário gaúcho fica ligado! https://t.co/hK8tNKnpjAhá 23 minutosRetweet
  • diario_gaucho

    diario_gaucho

    Diário Gaúchohttps://t.co/EaLxAklf7Jhá 42 minutosRetweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros