Casal de Alvorada oferece bolsas de estudos para jovens de baixa renda aprenderem inglês - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Educação01/08/2019 | 05h47Atualizada em 01/08/2019 | 07h00

Casal de Alvorada oferece bolsas de estudos para jovens de baixa renda aprenderem inglês

Projeto começou em 2013, quando os dois abriram uma escola de idiomas na cidade

Casal de Alvorada oferece bolsas de estudos para jovens de baixa renda aprenderem inglês Andréa Graiz/Agencia RBS
Miriam e Eduardo acreditam no poder da educação Foto: Andréa Graiz / Agencia RBS

Num mundo cada vez mais conectado, tornou-se essencial dominar um idioma, além do português. No Brasil, que ocupa o 9º lugar no ranking mundial da desigualdade de renda – conforme dados da Organização Não Governamental Oxfam –, nem todo mundo tem condições de custear um curso de línguas.

Leia outras notícias do Diário Gaúcho

Mas um projeto criado em Alvorada está mudando essa realidade para algumas pessoas. Criada em 2013 por um casal formado por um brasileiro e uma alemã, a escola de idiomas Change – mudança, em inglês – está oferecendo bolsas integrais de estudo para jovens entre 15 e 20 anos. O requisito principal é estudar em escolas públicas da cidade. Os candidatos serão entrevistados presencialmente na escola, na sexta-feira (2). 

Atualmente, dentre os cerca de 130 alunos da instituição, pelo menos 30 já são bolsistas. Mas a ideia é aumentar esse público, “atingindo quem realmente precisa e tem interesse em aprender”, como conta Eduardo Fortes Santos, 49 anos, o brasileiro à frente da Change. Sua esposa, uma alemã que adotou o nome – e o jeito de ser – brasileiro, reforça a importância de proporcionar o acesso à educação para quem menos tem condições. Miriam Fortes Santos, 42 anos, veio ao Brasil pela primeira vez em 1996, para trabalhar como voluntária em um projeto social em Alvorada. Foi quando conheceu Eduardo.

– Achamos muito importante poder proporcionar esta oportunidade para quem realmente precisa – conta Miriam.

Mudança

Os dois estão casados desde 2004, quando foram morar na Alemanha. Em 2012, decidiram voltar e passaram a morar no bairro Bela Vista, em Alvorada, onde Eduardo cresceu. 

As bolsas de estudos existem desde a criação da escola, em 2013. Os candidatos que forem selecionados começam os estudos no dia 10 de agosto, quando as aulas serão retomadas no local após as férias. A certeza é de que, pelo menos dentro daquele ambiente, a palavra desigualdade não faz parte do idioma.

Leia também
Pedagoga faz vaquinha para construção de biblioteca comunitária no Princesa Isabel
Projeto muda realidade das sextas-feiras em escola: salas vazias dão lugar a cursos profissionalizantes
Mais de 250 mil gaúchos estão inscritos no Encceja: saiba como se preparar para a prova

Experiência enriquecedora

Para dois alunos bolsistas da Change, o aprendizado do inglês proporcionou uma experiência pela qual não imaginavam passar. Fabrício dos Santos Goulart Pattis, 20 anos, e João Marcos da Silveira Martins, 22 anos, foram para um seminário sobre igualdade de gênero e esporte realizado na Itália, em 2018. Durante a seleção para participar do evento, o domínio do idioma foi essencial. Foi a primeira vez dos jovens fora do Brasil e, para Fabrício, a primeira viagem de avião.

– Foi uma experiência incrível e que eu conquistei graças ao domínio do inglês – diz Fabrício.

Os dois bolsistas da Change começaram os estudos na escola quando estavam no Ensino Médio, em um colégio público da cidade. Hoje, João está terminando a faculdade de Letras, enquanto Fabrício é aluno de Publicidade e Propaganda. Ambos estudam na UFRGS. 

 ALVORADA, RS, BRASIL, 25.07.2019.  Casal Eduardo Fortes Santos e Miriam Fortes Santos  criaram a  escola de idiomas  Change Escola de Línguas  e vão abrir turmas gratuitas para alunos de baixa renda. Sentados os alunos João Marcos da Silveira Martins e Fabrício dos Santos Goulart Parris. (FOTO ANDRÉA GRAIZ/AGÊNCIA RBS).Indexador: Andrea Graiz
Alunos bolsistas viveram a experiência de uma viagem ao ExteriorFoto: Andréa Graiz / Agencia RBS

Como se inscrever

/// Pais e responsáveis de interessados em tentar uma bolsa devem fazer inscrição e entrevista presencial. Será amanhã, dia 2, das 7h às 21h. O próprio candidato também pode se inscrever.

/// A escola fica na Rua Artur García, 607, bairro Bela Vista, em Alvorada.

/// É necessário que o candidato tenha entre 15 e 20 anos e estude em escola pública da cidade. É preciso levar comprovante de residência e documento de identificação do responsável. 

/// Mais informações pelo WhatsApp (51) 98926-2580 ou pelo Facebook (facebook.com/ChangeLinguas).

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros