Pavimentação em frente ao Instituto Federal de Alvorada fica na promessa - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Seu Problema é Nosso05/09/2019 | 08h00Atualizada em 05/09/2019 | 14h54

Pavimentação em frente ao Instituto Federal de Alvorada fica na promessa

A obra foi anunciada em 2017, mas ainda não saiu do papel

Pavimentação em frente ao Instituto Federal de Alvorada fica na promessa Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Ao menos 500 alunos circulam diariamente pela via Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

A comunidade escolar do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), campus Alvorada, ainda espera o cumprimento da promessa feita pela prefeitura: a pavimentação da Rua Professor Darcy Ribeiro, no bairro Maria Regina. 

LEIA MAIS
Com hérnia discal, morador de Canoas espera há mais de um ano por exame
Em Viamão, cratera aberta há mais de um ano preocupa moradores
Isadora vai realizar seu sonho: caminhar e usar sapatos   

Em agosto de 2017, uma placa foi instalada pela Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov) anunciando a pavimentação da rua onde fica a entrada principal do campus. A área de pavimentação seria de 1.337 metros quadrados, realizada com recurso do município. Contudo, passaram-se dois anos, e nada do asfalto.

Seu Problema é Nosso , Rua Professor Darcy Ribeiro , IFRS , Campus Alvorada , pavimentação , promessa , prefeitura, barro
Uma placa anunciando a pavimentação foi instalada na ruaFoto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

— São em média 500 alunos matriculados que circulam pela rua diariamente. As condições da via impedem alunos de ter mobilidade, inclusive um estudante que é cego — explica o diretor geral do IFRS de Alvorada, Fábio Azambuja Marçal, 41 anos.

Segundo o diretor, na rua também estão localizados o Centro de Especialidades Odontológicas e a Unidade de Referência em Saúde (URS-II), entidades que contribuem para o movimento na região. 

— Em dias de chuva, a rua vira barro. Além disso, acredito que a falta de pavimentação estimula o descarte irregular de lixo em alguns pontos — destaca Fábio. 

De acordo com ele, em reunião realizada na prefeitura em abril, foi entregue um abaixo-assinado, feito pela comunidade, requerendo o asfalto prometido:

— Desde então, não tivemos nenhum retorno formal. Parece que as coisas ficaram em aberto e continuamos na expectativa. Até foi noticiado que uma série de ruas seriam calçadas em Alvorada, mas a do IFRS não é uma delas. Faz a gente perceber que, aqui, não é prioridade. 

O diretor conta que, recentemente, em um dia em que a prefeitura utilizou o auditório do campus, foi feita a limpeza e o serviço com uma patrola em frente ao instituto.

Frustração

Para os alunos, a demora na pavimentação é frustrante. 

— É um descaso que a prefeitura tem com um espaço tão importante em Alvorada. A falta de asfalto na rua impede as pessoas de acessarem facilmente a escola e o posto de saúde. Quando chove, a situação fica mais precária ainda, pois há alunos que vão embora caminhando, e tem lama para todos os lados. Além disso, a parada de ônibus é na esquina, então, é um caos ter que cruzar pelo barro — lamenta Pedro Feltrin Batista, 17 anos, aluno do terceiro ano do Ensino Médio integrado e secretário do Grêmio Estudantil do Campus Alvorada.

Segundo o estudante, as más condições do bairro em relação às ruas e à falta de saneamento básico reflete de forma negativa a imagem da cidade.

Seu Problema é Nosso , Rua Professor Darcy Ribeiro , IFRS , Campus Alvorada , pavimentação , promessa , prefeitura, barro
Além dos problemas no pavimento, também há acúmulo de lixo no localFoto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Sem previsão para a pavimentação

A Secretaria de Obras e Viação (Smov), por meio do secretário Liberto Mentz, afirmou que a Rua Professor Darcy Ribeiro receberá a pavimentação. Contudo, segundo a pasta, não há previsão do início das obras “devido a indefinições quanto aos recursos que estão sendo pleiteados pela administração municipal”. 

Os motivos para a demora da realização da pavimentação e o valor que será investido na obra não foram informados pela secretaria. 

Produção: Caroline Tidra

Leia outras notícias da seção Seu Problema é Nosso   


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros