Pela segunda semana consecutiva, beneficiários agendam perícia e encontram agência do INSS fechada em Porto Alegre - Notícias

Versão mobile

 
 

Segue o impasse21/09/2020 | 21h40Atualizada em 21/09/2020 | 21h40

Pela segunda semana consecutiva, beneficiários agendam perícia e encontram agência do INSS fechada em Porto Alegre

Em torno de 80 pessoas procuraram a unidade do bairro Partenon, a mais movimentada da cidade, na manhã desta segunda-feira, e foram surpreendidas pela falta de atendimento

Pela segunda semana consecutiva, beneficiários agendam perícia e encontram agência do INSS fechada em Porto Alegre Tiago Boff / Agencia RBS/Agencia RBS
Grupo reunido em frente ao prédio, na manhã desta segunda-feira Foto: Tiago Boff / Agencia RBS / Agencia RBS

Pela segunda semana seguida, usuários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) buscaram a agência do bairro Partenon, a mais movimentada de Porto Alegre, e encontraram os portões fechados. Na manhã desta segunda-feira (21), em torno de 80 pessoas foram ao prédio, mas voltaram para casa sem a perícia realizada.

De andador e com uma das pernas engessada, Marisol Garcia Machado, 38 anos, deixou a Zona Norte acompanhada de uma amiga. O atendimento, que acabou não sendo realizado, estava agendado para as 7h40min.

— Eu marquei na sexta-feira a perícia, chego hoje aqui e encontro o portão fechado. Uma falta de respeito, não aguento mais ficar em pé — reclamou.

Leia mais
Veja quantas parcelas você deve receber do novo auxílio emergencial
As histórias de quem pede ajuda em cartazes nos semáforos de Porto Alegre

Com horário marcado para as 9h40min, o motorista aposentado Adão Garcia, 61 anos, telefonou para o número 135 já em frente ao prédio. Segundo ele, a informação repassada foi contraditória.

— O 135 diz que a agência vai abrir, mas os seguranças dizem o contrário. Falta um funcionário para informar — disse.

O promotor de vendas Fernando Júnior Rodrigues Pereira, 27 anos, saiu da Serra para buscar atendimento na Capital.

— Era em Vacaria ou aqui. Eu acordei às 3h e vim pra cá. Gastei passagem — lamentou.

Por meio dos seguranças do prédio, os beneficiários foram informados de que não haveria nenhuma perícia nesta segunda-feira. O grupo era orientado a buscar novo agendamento para os próximos dias, o que gerou discussões com os vigilantes.

Procurada pela reportagem de GZH, a gerência da agência informou que o prédio passa por perícia. Não foi informado quando o atendimento deve ser retomado.

Já na agência da Zona Sul, no bairro Cavalhada, também não houve atendimento nesta manhã. De acordo com o segurança do prédio, não houve aglomerações no local nem havia perícias agendadas.

Como marcar ou remarcar a perícia?

Para marcar ou remarcar a perícia médica, o segurado deve acessar o portal covid.inss.gov.br para saber qual agência está aberta e se já oferece o serviço. Em caso positivo, é necessário marcar o pedido pelo "Meu INSS" ou pelo telefone 135.

Impasse no INSS

A reabertura das agências do INSS gerou um impasse entre a direção do órgão e os médicos peritos. A retomada do atendimento presencial, após quase seis meses de paralisação, devido à pandemia do coronavírus, havia sido anunciada para a segunda-feira da semana passada.

A Associação Nacional dos Peritos (ANMP), contudo, resiste em retomar os trabalhos presenciais sob a alegação de falta de condições sanitárias contra a covid-19, o que o governo nega. 

Na última quinta-feira (17), a direção do INSS afirmou que os peritos médicos que não voltaram ao trabalho presencial, sem justificativa, terão registro de falta e desconto no salário. Segundo informou o órgão, após inspeções realizadas na semana passada, foi concluído que das 169 agências que possuem serviço de perícia médica, 111 já estão aptas a atender o público.

Na sexta-feira (18), GZH mostrou que as perícias haviam sido retomadas em parte das agências do Rio Grande do Sul, como em Canoas, Novo Hamburgo, São Leopoldo, Sapiranga, Lajeado, Montenegro e Taquara. Na maioria dos locais, contudo, os procedimentos não estavam sendo realizados.

Agências do Interior

As perícias médicas para os segurados do INSS continuam suspensas nas agências do interior do Rio Grande do Sul, de acordo com levantamento feito por GZH com as gerências regionais. Ao menos 11 locais passaram por vistorias técnicas nesta segunda-feira (21), mas ainda não há previsão de quando retornam as perícias. 

— As agências de Dom Pedrito, Santana do Livramento e Quaraí  foram vistoriadas e agora aguardamos o retorno ao trabalho dos médicos peritos — comentou o gerente-executivo de Uruguaiana, Vilson Rodrigues. 

A gerente-executiva de Pelotas, Carmem Regina Pinto Miranda, comenta que os serviços administrativos estão ocorrendo na região, de maneira remota. As agências do INSS, no entanto, ainda não foram vistoriadas para que sejam retomadas as perícias.

— Da agência de Tapes até Santa Vitória do Palmar ainda não há previsão — informou. 

No Noroeste, 15 agências estão sob a gerência de Ijuí, sendo que 11 estão com atendimento presencial administrativo mediante agendamento. De acordo com o gerente-executivo Rafael Turra, apenas as unidades de Ijuí, Três de Maio e Frederico Westphalen estão aptas para a retomada das perícias médicas. No entanto, ainda não há data de quando o serviço voltará a ser realizado.

As agência de Santa Maria, na Região Central, e Santa Cruz do Sul, no Vale do Rio Pardo, vão demorar mais no retorno às pericias presenciais, pois as vistorias técnicas devem ocorrer somente no dia 2 de outubro.  

Além dessas cidades, Erechim, Passo Fundo, Cachoeira do Sul, Rio Pardo e Garibaldi também passaram por vistoria nesta manhã. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros