Veja como fica o calendário proposto pelo governo do Estado para o retorno das aulas presenciais - Notícias

Versão mobile

 
 

Novo cronograma01/09/2020 | 21h22Atualizada em 02/09/2020 | 10h33

Veja como fica o calendário proposto pelo governo do Estado para o retorno das aulas presenciais

Retomada gradual deve começar pela Educação Infantil ainda em setembro

Veja como fica o calendário proposto pelo governo do Estado para o retorno das aulas presenciais Félix Zucco/Agencia RBS
A volta às aulas só será permitida para regiões com bandeira amarela ou laranja Foto: Félix Zucco / Agencia RBS
GZH
GZH

Na manhã desta terça-feira (1º), o governo do Estado apresentou e detalhou aos prefeitos uma nova proposta para a retomada das aulas presenciais no Rio Grande do Sul. De acordo com o cronograma, o retorno gradual começaria em setembro e seria concluído em novembro. 

Leia outras notícias do Diário Gaúcho

A proposta prevê o início da retomada pela Educação Infantil, passando pelo Ensino Médio e Ensino Superior, e sendo finalizada pelo Ensino Fundamental. A decisão, em qualquer das datas propostas, caberá aos municípios.

Além disso, segundo o governo, o retorno não será obrigatório e a volta às aulas só será permitida para regiões com bandeira amarela ou laranja no modelo de distanciamento controlado.

Leia também
Internet potente e dinheiro para uma casa nova: rede de solidariedade ajuda menino que estudava em barraca
Operadoras liberam sinal de internet para que alunos da rede estadual acessem aulas online

Confira o calendário:

  • Educação Infantil - 8 de setembro
  • Ensino Médio e Ensino Superior - 21 de setembro
  • Retorno das atividades presenciais na rede estadual - 13 de outubro
  • Ensino Fundamental (anos finais) - 28 de outubro 
  • Ensino Fundamental (anos iniciais) - 12 de novembro 
 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros