Marcação de consultas por aplicativo chega a 47 postos de saúde de Porto Alegre - Notícias

Versão mobile

 
 

Tecnologia21/12/2020 | 21h34Atualizada em 22/12/2020 | 11h23

Marcação de consultas por aplicativo chega a 47 postos de saúde de Porto Alegre

Objetivo é que todas as unidades contem com o recurso até o fim do primeiro trimestre de 2021

Marcação de consultas por aplicativo chega a 47 postos de saúde de Porto Alegre Anselmo Cunha/PMPA / Divulgação/Divulgação
Foto: Anselmo Cunha/PMPA / Divulgação / Divulgação

Em pouco mais de três meses, a prefeitura de Porto Alegre ampliou de seis para 47 o número de postos de saúde que permitem a marcação de consultas via aplicativo. A novidade foi anunciada nesta segunda-feira (21). 

O processo foi feito aos poucos, com a transição das agendas dos pacientes para o sistema. Segundo o secretário-adjunto de Saúde, Natan Katz, o objetivo é que todos os postos da cidade contem com o recurso até o fim do primeiro trimestre de 2021 (veja abaixo a lista dos postos já disponíveis).

Leia outras notícias do Diário Gaúcho

A marcação de consultas com profissionais de saúde é feita pelo aplicativo #EuFaçoPoa. Para marcar, é necessário realizar uma autenticação junto ao sistema e-gov, do governo federal, para garantir a segurança das informações.

Depois, o paciente pode selecionar a unidade de referência, se esta já contar com o recurso. Após o horário de fechamento dos postos, será possível marcar horário em um dos oito que atendem até as 22h: Belém Novo, Diretor Pestana, Modelo, Morro Santana, Primeiro de Maio, Ramos, São Carlos e Tristeza. 

— Cada vez mais as pessoas estão habituadas a mexer com tecnologia, e mesmo o impedimento por questões de idade vem diminuindo. É importante também dizer que o agendamento pelo celular vai ser só uma parte da marcação de consultas, porque as pessoas vão seguir conseguindo agendar na unidade — explica Katz. 

Leia também
Prefeitura de Porto Alegre vai recorrer da decisão judicial que determina a reabertura de quatro postos de saúde
Esteio lidera incidência de casos e de mortes por 100 mil habitantes na Região Metropolitana
Funcionários do Imesf começaram a ser demitidos pela prefeitura de Porto Alegre

Além disso, o Prontuário Eletrônico do Cidadão está disponível para 100% dos porto-alegrenses. Por meio dele, é possível ter acesso a todos os dados de atendimento, podendo ver resultados de exames de imagem e laboratoriais, acompanhar a validade de medicamentos recebidos por meio do SUS e ainda ter acesso a boletins médicos de internações hospitalares. 

Para acessar, também é necessário fazer a autenticação junto ao sistema do governo federal. No caso do prontuário, por fornecer informações sensíveis, a validação dos dados deve ser feita em uma unidade de saúde. 

— O prontuário, por lei, é do paciente. Mas isso nunca era disponibilizado para ele. Agora, estará no celular. Fica disponível para que o paciente mostre a algum profissional de saúde quando quiser e para que ele possa cuidar melhor da sua saúde — detalha o secretário-adjunto. 

Postos de saúde que permitem marcação de consultas via aplicativo:

  • 5ª Unidade 
  • Bananeiras 
  • Beco do Adelar 
  • Belém Novo 
  • Campo da Tuca  
  • Campo Novo 
  • CF Iapi 
  • CF Jose Mauro Ceratti Lopes 
  • Chácara da Fumaça 
  • Cohab Cavalhada 
  • Cristal 
  • Cruzeiro Do Sul 
  • Diretor Pestana 
  • Domênico Feoli 
  • Ernesto Araújo  
  • Farrapos 
  • Glória 
  • Guarujá 
  • Jardim da Fapa 
  • Lami 
  • Lomba do Pinheiro 
  • Macedônia 
  • Mapa  
  • Maria da Conceição 
  • Mario Quintana 
  • Moab Caldas 
  • Modelo 
  • Monte Cristo 
  • Morro Santana 
  • Nossa Senhora de Belém 
  • Osmar Freitas 
  • Panorama 
  • Passo das Pedras I 
  • Primeiro de Maio 
  • Ramos 
  • Rubem Berta 
  • Santa Marta 
  • Santa Tereza 
  • Santo Alfredo 
  • São Carlos 
  • Sarandi 
  • Timbaúva 
  • Tristeza 
  • UBS Iapi 
  • UBS Mapa 
  • Vila Cruzeiro 
  • Vila Jardim 


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros