Boeuf Bourguignon: aprenda a preparar a receita de carne ao vinho do chef Matheus Troglio - Notícias

Versão mobile

 
 

Receita do Leitor19/05/2021 | 15h21Atualizada em 19/05/2021 | 17h43

Boeuf Bourguignon: aprenda a preparar a receita de carne ao vinho do chef Matheus Troglio

O chef do Senac ensina a fazer o prato Boeuf Bourguignon. O nome é chique, mas o preparo leva carne ¿de segunda¿ e outros ingredientes acessíveis

Boeuf Bourguignon: aprenda a preparar a receita de carne ao vinho do chef Matheus Troglio Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
O chef ensina uma receita de dar água na boca Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Vilã do rancho, a carne bovina conhecida como “de primeira” é um dos itens que mais tiveram elevação de preço nos últimos tempos. Formando de Gastronomia, o chef do Senac Caxias do Sul, Matheus Troglio, 30 anos, ensina uma receita de dar água na boca e que leva a carne “de segunda”, ou seja, aquela que é um pouco mais em conta no mercado. 

O chef do Senac Caxias do Sul, Matheus Troglio, ensina como fazer uma refeição de primeira com carne de segunda.<!-- NICAID(14785860) -->
Um prato delicioso.Foto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

O prato é um clássico francês e tem nome chique: Boeuf Bourguignon. Em relação à carne, o chef esclarece: 

– Quero deixar claro que o termo “carne de segunda” não existe. O que existe são carnes de dianteiro e traseiro. O animal, ao se movimentar, faz mais força com as patas da frente. Então, por ser uma carne que trabalha mais, ela tende a ser mais rígida. Em contrapartida, há uma maior circulação de sangue, logo, o sabor é mais intenso. Essas carnes são muito mais saborosas e têm valor mais acessível.

Leia Mais
Ratatouille da Angélica: confira como preparar um prato rápido e saudável
Canjica branca de doce de leite: saiba como fazer a receita do chef Cássio Cevallos
Canjiquinha: aprenda a receita de Graciela, ótima opção para o Dia das Mães 

De acordo com Matheus, o termo popular “de segunda” é justamente pelo preço mais baixo e por não ser a primeira opção do público, pois é mais dura. Assim, essas carnes ficaram conhecidas como “a segunda opção”.

O chef conta que o grande segredo é como trabalhar as peças. Elas precisam de uma cocção mais longa ou, até mesmo, podem ser amaciadas com enzimas naturais, de frutas.

“Ponto de desfiar” 

A carne da receita é cozida em um caldo que, segundo o chef, pode ser caseiro, feito com ossos e retalhos de carne bovina, ou industrializado. 

– Outra vantagem é que, com a chegada do inverno, nosso organismo se satisfaz com preparos mais quentes, acompanhados de um bom vinho tinto! E esse é um prato clássico da culinária francesa, que se utiliza de músculo bovino. O resultado é uma carne em ponto de desfiar – afirma o chef. 

INGREDIENTES
/// 1kg de músculo bovino 

/// 1/3 de mamão papaia 

/// 5 cebolas baby 

/// 1 cenoura cortada em rodelas grossas

 /// 150g de bacon em cubos 

/// 2 colheres (sopa) de extrato de tomate 

/// 400ml de vinho tinto seco (da sua preferência) 

/// 1 litro de caldo de carne bovina 

/// 1 colher (sopa) de manteiga ou banha de porco 

/// 200g de cogumelos inteiros (se for o em conserva, lavá-los antes de usar) 

/// 1 dente de alho

 /// Farinha de trigo e tempero verde a gosto

MODO DE PREPARO

/// Esfregue a polpa do mamão por toda a carne. Deixe descansar por 20 minutos. Após, corte em cubos e tempere com sal e pimenta. Empane a carne temperada na farinha de trigo. 

/// Em uma panela funda, adicione a gordura e sele a carne em fogo alto. Reserve. 

/// Na mesma panela, refogue o bacon para que ele solte a gordura, as cebolas inteiras, a cenoura e o alho. 

/// Acrescente o extrato de tomate e deixe reduzir até começar a tomar um tom mais escuro. Coloque a carne novamente na panela para o refogado inicial e deglaceie a panela com o vinho tinto, deixe cozinhar por aproximadamente 5 minutos. 

/// Acrescente o caldo, o suficiente para cobrir a carne, e os temperos. Cozinhe em fogo médio, com a panela tampada, mexendo de vez em quando, até a carne ficar macia.

/// Adicione, por fim, os cogumelos inteiros e deixe cozinhar por mais 10 minutos. Ajuste os temperos e sirva acompanhado de purê de batatas. Bon appétit!

SEGREDINHO:

O chef conta o segredo para amaciar a carne: 

– Podemos utilizar da papaína, que se encontra no mamão, ou a bromelina, do abacaxi. Particularmente nossa preferência é pela papaína, pois a do abacaxi, é mais intensa, favorecendo o desfiar da carne.

RENDIMENTO: 5 porções
TEMPO DE PREPARO: aproximadamente 2 horas 

PARTICIPE, NOS ENVIE SUA RECEITA!

/// Quem pode participar? Todos os leitores que tiverem uma receita deliciosa para compartilhar com o DG.                       

/// O que é preciso enviar? Mande sua receita, descrita com quantidade e tipos de ingredientes e modo de preparo, além do seu nome completo, endereço e telefone, para que possamos ligar de volta para você.                        

/// Para onde e como eu envio? Você pode usar três canais de atendimento para enviar sua receita. São eles: o WhatsApp do DG, pelo telefone (51) 99759-5693, o e-mail atendimento@diariogaucho.com.br e o nosso endereço (para envio de carta): Avenida Erico Veríssimo, 400, bairro Azenha, Porto Alegre/RS. O CEP é 90160-180. 

Produção: Caroline Tidra

Confira outras receitas da seção Receita do Leitor 


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros