Frio, neve, geada e ventania marcarão o tempo até sexta-feira no RS - Notícias

Versão mobile

 
 

De bater queixo 27/07/2021 | 19h35Atualizada em 27/07/2021 | 19h35

Frio, neve, geada e ventania marcarão o tempo até sexta-feira no RS

Massa de ar frio  atuará sobre o Estado durante toda a semana

Frio, neve, geada e ventania marcarão o tempo até sexta-feira no RS Lauro Alves / Agencia RBS/Agencia RBS
Na quarta-feira (28) diversas regiões do Estado podem registrar queda de neve Foto: Lauro Alves / Agencia RBS / Agencia RBS

Após uma madrugada com queda de granizo em ao menos três cidades do Norte gaúcho, o risco de novos episódios em outras regiões do Estado ao longo desta terça-feira (27) está descartado pelos meteorologistas. O destaque fica mesmo para o frio intenso que está por chegar. Há chance de neve, ventos fortes e formação de geada em praticamente todo o Rio Grande do Sul nos próximos dias.

 Leia Mais
Perguntas e respostas sobre a segunda dose da vacina para grávidas e puérperas Prefeituras da Região Metropolitana se mobilizam para atender população de rua diante da previsão de frio intenso
Após evento-teste, prefeitura e empresários buscam a reabertura gradativa de grandes eventos 

Já no final da tarde desta terça, a chuva – que marca presença no território gaúcho – dará lugar ao tempo firme. Além disso, a entrada de ar frio provoca a queda brusca das temperaturas, explica Fabiene Casamento, meteorologista da Somar:  

— O frio chega no Estado e deve marcar forte presença até sábado (31), mas os momentos de pico serão entre quinta (29) e sexta-feira (30). O frio se deve a uma massa de ar polar, esse fenômeno tem uma pressão bastante alta e essa condição provoca a queda nas temperaturas – explica a meteorologista, que alerta:

— Na quarta (28) tem risco de neve em Bagé, na Campanha, no período da tarde. Já em Passo Fundo, no Norte, e nas partes altas da Serra, Noroeste e Região Sul as chances aumentam no período da noite.  

Na quarta-feira, as temperaturas devem ficar na casa dos 0°C ou abaixo e há forte chance para formação de geada na maioria dos municípios gaúchos. As exceções são as cidades do litoral Norte e Sul, onde a ressaca e ventania são destaques. De acordo com a Somar Meteorologia, as rajadas de vento podem chegar aos 90 km/h na costa Leste. 

Neve e geada

Em São José dos Ausentes, na região serrana, a mínima na quarta será de -4°C e a máxima não passa de 5°C. Em Cambará do Sul, a temperatura varia entre -2°C e 7°. Para ambas cidades há risco de neve.  

Na quinta, as chances de neve se ampliarão para toda a Serra e região de Passo Fundo. A possibilidade do fenômeno é maior durante a madrugada e início da manhã. A massa de ar polar, fria e seca, se espalha nas demais áreas gaúchas provocando geadas amplas - especialmente no Centro-Oeste.   

Por sua vez, a neve poderá ser vista principalmente na Serra. Os prognósticos apontam ainda para temperaturas negativas e possíveis novos recordes de menor temperatura do ano. Os ventos seguirão fortes no Leste gaúcho. No Litoral, no Leste e no Sudeste do território gaúcho o tempo será nublado. 

Em Canela, na Serra, a mínima será -1°C e a máxima de 9°C. Porto Alegre deve ter seu dia mais frio do ano. A expectativa é de que a mínima seja de 2°C e a máxima de 14°C. 

Na sexta-feira, o tempo se assemelhará bastante ao do dia anterior, mas ainda mais gelado no amanhecer. A expectativa é de muito frio e com chances de formação de geada em quase todo o Estado. Não há chance de chuva nem de neve. 

As temperaturas máximas sobem um pouco, indicando o afastamento da massa de ar polar do Rio Grande do Sul em direção ao Sudeste do Brasil.  Em São José dos Ausentes, os termômetros devem registrar mínima de -6°C e máxima de 9°C.  



 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros