Vacinação de crianças contra covid-19 no RS começará no dia 19 de janeiro - Notícias

Versão mobile

 
 

Cronograma10/01/2022 | 22h19Atualizada em 10/01/2022 | 22h19

Vacinação de crianças contra covid-19 no RS começará no dia 19 de janeiro

Aplicação das doses começará com as crianças de 11 anos que possuam comorbidades

Vacinação de crianças contra covid-19 no RS começará no dia 19 de janeiro JEFF KOWALSKY / AFP/AFP
A SES estima que o público para esta primeira etapa da campanha seja de 96.427 crianças Foto: JEFF KOWALSKY / AFP / AFP

Foi definido nesta segunda-feira (10) o cronograma da vacinação infantil contra a covid-19 no Rio Grande do Sul. De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (SES), a aplicação das doses começará com as crianças de 5 a 11 anos que possuam comorbidades – como hipertensão, diabetes ou asma – ou imunossuprimidos a partir do dia 19 de janeiro.

LEIA MAIS
Estado não vai exigir comprovante de vacinação para que alunos frequentem as aulas
Vacinação infantil contra covid-19 será em locais exclusivos no Rio Grande do Sul
Saiba como vai funcionar a vacinação de crianças contra a covid-19

A vacinação será em ordem decrescente, iniciando pelos meninos e meninas de 11 anos. A SES estima que o público para esta primeira etapa da campanha seja de 96.427 crianças.

Na sequência, começam a receber a primeira dose as 862.747 crianças sem comorbidades. Pelo cronograma acertado pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB), a imunização delas também poderá começar neste mês, com a primeira dose sendo aplicada para quem tem 11 anos de idade.

Já em fevereiro, deverá iniciar a vacinação dos meninos e meninas de 10 e de nove anos. Em março, será a vez daquelas com oito anos. Para as outras idades, a Secretaria da Saúde aguarda a previsão de remessas de vacinas pelo Ministério da Saúde.

Crianças indígenas, com público estimado de 3.911 pessoas, e quilombolas, com 1.188 crianças, serão vacinadas conforme orientação futura do Ministério da Saúde, com doses destinadas a este público, de acordo com a SES.

O governo do RS espera receber o primeiro lote, com 1,248 milhão de doses na próxima quinta-feira (13). Outros dois lotes com a mesma quantidade devem ser entregues nos dias 20 e 27.

Preparação e local exclusivo

Conforme já havia sido divulgado pelo Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do RS (Consems), a aplicação das doses deverá ser realizada em sala exclusiva, com um espaço para recepção de crianças e responsáveis, que deverão permanecer no local por 20 minutos. Eventos adversos após a vacinação devem ser notificados no e-SUS Notifica, sistema de registro do Ministério da Saúde.

A partir desta quarta-feira (12), a Secretaria da Saúde e o Consems iniciam uma capacitação dos vacinadores, indicados pelos municípios, que receberão orientações sobre a aplicação do imunizante. A SES se prepara ainda para, no final de semana, realizar a separação das doses que serão distribuídas na próxima segunda-feira (17) para as coordenadorias regionais. Neste mesmo período, os municípios trabalharão na estruturação das salas de vacinas.

Leia outras notícias do Diário Gaúcho 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros