Vacinação de crianças contra covid-19 no RS começará no dia 19 de janeiro - Notícias

Versão mobile

 
 

Cronograma10/01/2022 | 22h19Atualizada em 10/01/2022 | 22h19

Vacinação de crianças contra covid-19 no RS começará no dia 19 de janeiro

Aplicação das doses começará com as crianças de 11 anos que possuam comorbidades

Vacinação de crianças contra covid-19 no RS começará no dia 19 de janeiro JEFF KOWALSKY / AFP/AFP
A SES estima que o público para esta primeira etapa da campanha seja de 96.427 crianças Foto: JEFF KOWALSKY / AFP / AFP

Foi definido nesta segunda-feira (10) o cronograma da vacinação infantil contra a covid-19 no Rio Grande do Sul. De acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (SES), a aplicação das doses começará com as crianças de 5 a 11 anos que possuam comorbidades – como hipertensão, diabetes ou asma – ou imunossuprimidos a partir do dia 19 de janeiro.

LEIA MAIS
Estado não vai exigir comprovante de vacinação para que alunos frequentem as aulas
Vacinação infantil contra covid-19 será em locais exclusivos no Rio Grande do Sul
Saiba como vai funcionar a vacinação de crianças contra a covid-19

A vacinação será em ordem decrescente, iniciando pelos meninos e meninas de 11 anos. A SES estima que o público para esta primeira etapa da campanha seja de 96.427 crianças.

Na sequência, começam a receber a primeira dose as 862.747 crianças sem comorbidades. Pelo cronograma acertado pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB), a imunização delas também poderá começar neste mês, com a primeira dose sendo aplicada para quem tem 11 anos de idade.

Já em fevereiro, deverá iniciar a vacinação dos meninos e meninas de 10 e de nove anos. Em março, será a vez daquelas com oito anos. Para as outras idades, a Secretaria da Saúde aguarda a previsão de remessas de vacinas pelo Ministério da Saúde.

Crianças indígenas, com público estimado de 3.911 pessoas, e quilombolas, com 1.188 crianças, serão vacinadas conforme orientação futura do Ministério da Saúde, com doses destinadas a este público, de acordo com a SES.

O governo do RS espera receber o primeiro lote, com 1,248 milhão de doses na próxima quinta-feira (13). Outros dois lotes com a mesma quantidade devem ser entregues nos dias 20 e 27.

Preparação e local exclusivo

Conforme já havia sido divulgado pelo Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do RS (Consems), a aplicação das doses deverá ser realizada em sala exclusiva, com um espaço para recepção de crianças e responsáveis, que deverão permanecer no local por 20 minutos. Eventos adversos após a vacinação devem ser notificados no e-SUS Notifica, sistema de registro do Ministério da Saúde.

A partir desta quarta-feira (12), a Secretaria da Saúde e o Consems iniciam uma capacitação dos vacinadores, indicados pelos municípios, que receberão orientações sobre a aplicação do imunizante. A SES se prepara ainda para, no final de semana, realizar a separação das doses que serão distribuídas na próxima segunda-feira (17) para as coordenadorias regionais. Neste mesmo período, os municípios trabalharão na estruturação das salas de vacinas.

Leia outras notícias do Diário Gaúcho 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros