Michele Vaz Pradella: Personagens mais frias do que o inverno gaúcho - Entretenimento

Versão mobile

 
 

Noveleiros05/06/2021 | 10h00Atualizada em 05/06/2021 | 10h00

Michele Vaz Pradella: Personagens mais frias do que o inverno gaúcho

Nem um chimarrão esquenta essas almas geladas da ficção

Michele Vaz Pradella: Personagens mais frias do que o inverno gaúcho Estevam Avellar / TV Globo/Divulgação/TV Globo/Divulgação
Dominique não poupa nem a própria mãe Foto: Estevam Avellar / TV Globo/Divulgação / TV Globo/Divulgação

O friozinho chegou para ficar. Aqui no Sul, é o momento perfeito para acender o fogão a lenha, preparar uma bela sopa e abusar das bebidas quentes. Mas nem um bom chimarrão é capaz de aquecer algumas almas da telinha. Vista mais um blusão de lã, pois a frieza está no ar!

Carinho maternal passa longe da casa de Vitória (Gisele Fróes) em A Vida da Gente (2011), reprisada no horário das 18h. Sem um pingo de paciência, a megera não poupa as filhas de sua amargura, principalmente Sofia (Alice Wegmann), que desde muito pequena sofre com as exigências da mãe no lar e nas quadras de tênis.

Fria e calculista são apenas alguns dos adjetivos que cabem a Dominique (Guilhermina Guinle), a vilã de Salve-se Quem Puder. Além de ser capaz de matar ou ordenar crimes sem piedade, há ainda mais sujeira debaixo do tapete da malvada. A empregada Lúcia (Cristina Pereira) é ninguém menos do que a mãe de Dominique. Isso torna as maldades da ricaça ainda piores.

Dura como diamante

império, Cora ( Drica Moraes )<!-- NICAID(14799725) -->
Cora: a frieza está no arFoto: Alex Carvalho / TV Globo/Divulgação

Em Império (2014), no ar em edição especial às 21h, o coração de Cora (Drica Moraes) é mais sólido do que o diamante rosa do Comendador José Alfredo (Alexandre Nero). Aliás, muito da maldade da tia de Cristina (Leandra Leal) se deve à paixão platônica pelo ricaço.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros