Luciano Périco: Grêmio sobreviveu em um filme de terror no Paraguai - Grêmio - Esporte - Diário Gaúcho

Versão mobile

 
 

De virada10/04/2021 | 08h00Atualizada em 10/04/2021 | 08h00

Luciano Périco: Grêmio sobreviveu em um filme de terror no Paraguai

Tricolor levou 2 a 1 no Defensores Del Chaco e decide em desvantagem na Arena

Luciano Périco: Grêmio sobreviveu em um filme de terror no Paraguai Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação/Grêmio/Divulgação
Diego Souza fez o gol gremista no Defensores Del Chaco Foto: Lucas Uebel / Grêmio/Divulgação / Grêmio/Divulgação

Antes dos 10 minutos de partida, o Grêmio abriu o marcador com Diego Souza, soberano na bola aérea. Parecia que seria uma noite muito tranquila no Paraguai. Grande engano. A vantagem no placar fez o Tricolor ceder espaços generosos para o Independiente del Valle-EQU, que começou a criar todas as dificuldades ao time de Alexandre Mendes. Quase no final da primeira etapa, um lance capital da partida. A anulação do belo gol marcado por Ferreira foi um grande prejuízo de arbitragem. Erro grave da assistente Mariana de Almeida, que assinalou um impedimento inexistente. O VAR fez muita falta. Com um  2 a 0 naquele momento, o jogo teria outro cenário.

O segundo tempo começou Darlan no lugar de Pinares. O chileno produziu muito pouco. Não mostrou futebol para ser um titular indiscutível. Muito cedo, Ortiz assustou carimbando a trave gremista. O empate equatoriano saiu quando Matheus Henrique foi pouco combativo na marcação e Faravelli invadiu a área, fazendo 1 a 1 sem chances para Brenno. Vale ressaltar que o goleiro gremista foi destaque da partida com defesas importantes que impediram um placar mais elástico. Logo depois, Diego Souza perdeu uma chance de ouro para recolocar o Grêmio na frente do marcador.

Leia mais
Grêmio perde para o Independiente del Valle e larga em desvantagem na Libertadores
Novo acordo com a OAS: o passo dado pelo Grêmio para assumir a operação da Arena ainda em 2021
Victor Ferraz testa positivo e é quarto profissional do Grêmio diagnosticado com covid-19 em cinco dias

O jogo acabou desandando de vez para o Tricolor com o pênalti cometido por Ruan, que custou a expulsão ao zagueiro gremista. Tendo um atleta a menos e com Brenno e Ferreira descontados fisicamente, o Grêmio segurou o resultado de 2 a 1 do jeito que foi possível com a forte pressão imposta pelos equatorianos. No geral, alguns jogadores gremistas também renderam pouco. 

A titularidade de Alisson não se justifica mais. Diogo Barbosa pouco apareceu na partida. Agora pelo gol qualificado, o Tricolor terá que vencer por 1 a 0 na Arena na quarta-feira (14). Complicou bastante. O Independiente Del Valle mostrou qualidades. Como agravante, Alexandre Mendes ainda terá vários problemas para montar a equipe. Mas ainda é possível sonhar com a fase de grupos da Libertadores

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros