Racha entre motociclistas termina em perseguição policial, acidente e prisões na freeway  - Polícia

Versão mobile

 
 

 Região Metropolitana16/04/2021 | 10h08Atualizada em 16/04/2021 | 10h08

Racha entre motociclistas termina em perseguição policial, acidente e prisões na freeway 

Quatro pessoas foram presas e mais de 20 motos apreendidas

GZH
GZH

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) interceptou, na madrugada desta sexta-feira (16), um grupo de motociclistas que fugia pela freeway após realizar rachas na zona norte de Porto Alegre. O grupo foi abordado pela Brigada Militar e pela Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) na Capital e acabou se dispersando em direção à Região Metropolitana.

De acordo com a PRF, uma operação foi montada na noite de quinta-feira (15) para coibir a ação de motociclistas que costumavam realizar manobras perigosas, semanalmente, pelas BRs 448, 116, 386 e 290. Nesta madrugada, no entanto, o grupo, de aproximadamente cem motociclistas, combinou o evento clandestino na Avenida Assis Brasil. 

De acordo com o inspetor da PRF Felipe Barth, a corporação já estava com uma operação montada e fechou as saídas da freeway. Os motociclistas não obedeceram à ordem de parada (vídeo abaixo) e alguns chegaram a fugir pela contramão na rodovia.

Um dos motociclistas furou a barreira policial e acabou colidindo em uma mureta. 

— A operação de hoje foi focada em um grupo organizado através das redes sociais. Eles faziam convites para integrantes do grupo, onde faziam o que chamavam de "rolê". Saíam 150 motos pela cidade, depois acessam as rodovias fazendo manobras. Eles empinavam, faziam rachas, buzinavam. Isso ocorria todas as quintas-feiras. Cada dia eles faziam um trajeto diferente — contou o inspetor, em entrevista ao programa Madrugada Gaúcha

— Porém, o "rolê" deles hoje foi combinado para dentro da cidade de Porto Alegre. Inclusive fizeram um chamamento bem debochado, com a foto de uma viatura capotada — completou.

Quatro pessoas foram presas e mais de 20 motos apreendidas pela PRF — uma delas roubada. Um dos presos deveria estar em prisão domiciliar. Mais de 50 multas foram aplicadas. De acordo com a PRF, as operações continuarão enquanto os eventos se repetirem.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros