Procon de Canoas notifica lojas por preço abusivo no comércio de lonas - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Chuvas16/10/2015 | 16h32Atualizada em 17/10/2015 | 19h43

Procon de Canoas notifica lojas por preço abusivo no comércio de lonas

Uma das lojas estava vendendo por R$ 20 o metro do produto que custava R$ 2. Proprietários deverão comprovar o motivo do aumento

Procon de Canoas notifica lojas por preço abusivo no comércio de lonas Carlos Macedo/Agencia RBS
Temporal em Canoas atingiu 30 mil pessoas Foto: Carlos Macedo / Agencia RBS

Pelo menos dez estabelecimentos de Canoas foram notificados pelo Procon da cidade depois de denúncias de aumento abusivo do preço das lonas. Com o temporal, a procura fez o produto sumir das prateleiras. Antes do fato, uma das lojas notificadas vendia o metro a R$ 2,20. Na quinta-feira, aumentou para R$ 20 a mesma metragem. As lojas terão 24h para justificarem o motivo do aumento. A maioria garantiu que para atender os pedidos precisou comprar o produto em outras cidades.

As chuvas desta semana atingiram mais de 30 mil pessoas em Canoas. Desde a madrugada de quarta-feira, a prefeitura de Canoas entregou mais de 138 mil m² de lonas e 15 mil telhas aos atingidos pelas chuvas. Neste período, cerca de 12,5 mil pessoas procuraram a Defesa Civil e subprefeituras em busca de auxílio. Na tarde desta sexta-feira, devem ser entregues lonas aos mais de 5 mil cadastrados, que constam em lista de espera. Outras 10 mil telhas também serão distribuídas.

Proprietário de uma ferragem no Bairro Rio Branco, um dos mais atingidos, Ronaldo de Castro, 32 anos, viu as vendas de lona irem às alturas na quinta-feira. Acostumado a vender um rolo de 100 metros do produto a cada quatro meses, Ronaldo vendeu 700 metros em apenas um dia. E ainda precisou ir a Caxias do Sul para buscar mais lona às pressas. 

– Vendia a lona que suportava até 18kl por R$ 3,50. Agora, trouxe uma que suporta até 33kl e estou vendendo a R$ 5, o metro. Nem coloquei em cima a despesa para buscá-la na Serra. Tenho uns 200m ainda e não pretendo comprar mais. Cada família tem levado cerca de 30 metros – contou.

 
Foto: Carlos Macedo

No desespero para cobrir a casa que teve o telhado atingidos nos sete cômodos, a assistente administrativa Francieli Machado, 22 anos, comprou 40 metros de lona numa loja da região, mesmo sabendo que estava pagando mais caro. 

– Fiquei quase sete horas na fila da loja e paguei R$ 8 pelo metro. No dia anterior, a mesma lona custava R$ 1 o metro – contou.

Morador de Canoas abrigou-se dentro do roupeiro para fugir do granizo
Temporal danifica casas e deixa ruas alagadas na Região Metropolitana

DIÁRIO GAÚCHO

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Mais sobre

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros