Acadêmicos do Gravataí vai homenagear o Taim - Notícias

Versão mobile

 

Carnaval 201604/02/2016 | 11h28

Acadêmicos do Gravataí vai homenagear o Taim

A Acadêmicos de Gravataí prestará homenagem às belezas da reserva

A Onça Negra contará a história da Estação Ecológica do Taim, localizada entre Rio Grande e Santa Vitória do Palmar. Segundo Rafael Saraiva, integrante da comissão de carnaval da Acadêmicos de Gravataí, o desfile mostrará desde a origem mitológica da reserva até a chegada do gaúcho às terras existentes numa estreita faixa de planície entre o Oceano Atlântico e a Lagoa Mirim, ao Sul do Estado.

Imperadores do Samba vai mostrar segredo na Avenida

— Queremos impactar na Avenida, homenageando um patrimônio do Rio Grande do Sul que muita gente não conhece. E vamos surpreender já na comissão de frente, mas não posso dar detalhes — comenta Rafael.

O segredo é tanto, que a presidente da entidade, Rita Bittencourt, não liberou a reportagem do Diário Gaúcho para fotografar detalhes do que será mostrado na Avenida.
No Porto Seco, Estado Maior da Restinga vai pedir paz e o fim das injustiças

No abre-alas, o maior carro da escola com 26m de comprimento, a Acadêmicos mostrará a chegada dos índios guaranis, minuanos e charruas ao território gaúcho. Serão os índios fazendo a aldeia no paraíso, o Taim. A segunda alegoria apresentará a fauna e a flora da reserva e as mudanças que a região enfrenta a cada estação do ano.

Bambas da Orgia vai celebrar a alegria no Porto Seco

No terceiro setor, uma grande caravela lembrará a disputa entre portugueses e espanhóis pelo território do Taim. Neste carro, o destaque será o Deus Pirarucu, que Rafael promete ter uma surpresa. O encerramento mostrará o amor pela reserva e vai trazer um grande cisne do pescoço preto, símbolo do Taim.

Segunda colocada em 2015, Embaixadores vai cantar o sonho de conquistar o título

Império da Zona Norte mostrará como os povos percebem a morte

Leia mais notícias do Carnaval

A escola
Cores: Vermelho, preto e branco
Bairro: Morada do Vale, Gravataí 
Presidente: Rita Virginia Bittencourt
Carnavalesco: Comissão de Carnaval
Intérprete: Lú Astral 
Diretor de Carnaval: Jorge Farias
Diretor de Bateria: Jr. Aruanda
Mestre-sala e porta-bandeira:  Alexandre Choco e Andeisa Porta Bandeira
Enredo: Entre as Águas de Pará-Gûasu e da Mirim - Gravataí é Taim

Leia mais notícias do dia

Como vai
A escola levará para a Avenida quatro carros alegóricos, 16 alas, 1,4 mil componentes. A bateria terá 170 ritmistas.

O samba
Entre as Águas de Pará-Gûasu e da Mirim – Gravataí é Taim
Autores: Rafael Tubino, Alex Bagé, Wagner Ramos, André Valêncio, Igor Vianna, Thiago Sukatinha e Thiago Meiners.

O canto da mata ecoa aqui
Sou a onça negra de Gravataí
Na minha aldeia ressoa o tambor
Salve Taim, "reserva" de amor!

Conta à deusa Guaipira uma história de amor
Tupã e Jaci revelaram o seu esplendor
O vento divino soprou natureza enfim floresceu
As águas formaram o espelho de Deus
E o paraíso ouviu o canto da Tachã
Guiando os índios à gentil Mirim
Eram Charruas, Minuanos, Guaranis.
Em terra de riquezas sem fim
Então de geração em geração
Taim reflete a pureza desse chão

"Flutuando pega o junco, e o aguapé!"
Lindas flores desabrocharam na primavera,
O céu azul emoldura o verão...
Em noites calmas...Colorindo a imensidão!

O som da sinfonia em harmonia com a natureza
O cisne observa o luar
No Pará-Gûasu... Vou mergulhar;
Mas a ambição chegou e, assim, a luta persistiu,
Ôôô a força nativa derrotou o invasor
Vou lançar a rede, sou gaúcho pescador,
E no paraíso, o progresso despontou,
Um tempo de preservação.
Na arte, um sentimento que renasce,
É o orgulho que invade o nosso coração!

Curta nossa página no Facebook

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros