Falta de pavimentação e manutenção periódica em rua de Viamão é motivo de queixa entre os moradores - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Seu problema é nosso28/11/2016 | 08h31Atualizada em 28/11/2016 | 08h31

Falta de pavimentação e manutenção periódica em rua de Viamão é motivo de queixa entre os moradores

De acordo com a prefeitura, não existe previsão para asfaltamento da Almeida Rosa

Falta de pavimentação e manutenção periódica em rua de Viamão é motivo de queixa entre os moradores Arquivo pessoal/Leitor/DG
Foto: Arquivo pessoal / Leitor/DG

Vários pedidos, nenhuma resposta, oito meses de espera e um serviço mal acabado. Parte da Rua Almeida Rosa, no Bairro Jardim Krahe, em Viamão, sofre com falta de pavimentação, buracos, valetas e pedregulhos, que dificultam passar pelo local. Morador da via há seis anos, o policial aposentado José Nei Machado da Silva, 62 anos, abriu um protocolo na prefeitura no dia 22 de março, solicitando o patrolamento da via e a colocação de saibro.

Ele tentou por três vezes falar com o prefeito e, somente no último dia 21, uma equipe foi enviada para passar a patrola. Entretanto, José diz que o trabalho não foi finalizado: faltou passar rolo compressor, colocar saibro e fechar valetas.

Leia mais notícias da seção Seu Problema é Nosso!

— Fizeram um serviço pela metade e foram embora. Na próxima chuva, vai tudo voltar a ser como antes: a rua alagada, vai abrir mais buracos e vamos ter que esperar mais oito meses por ajuda — lamenta o morador.

As bocas de lobo, segundo o José, estão entupidas.

Pedras no caminho

José afirma que, desde que se mudou para lá, a rua sofre com a falta de manutenção – mas agora está pior. O patrolamento feito no dia 21, além de não ter sido finalizado, deixou pedras de lembrança, que não foram recolhidas pela prefeitura. Para sair de casa de carro, alguns vizinhos precisaram afastar as rochas por conta própria.

— Isso que eles fizeram apenas amenizou a situação, mas não resolveu — reclama José.

A prefeitura de Viamão oferece o projeto de calçamento comunitário, em que a prefeitura entra com 50% do valor para pavimentar a rua, e os moradores, com os outros 50%. Conforme José, a vizinhança da Almeida Rosa já se reuniu para discutir a ideia, contudo, há divergências:

— Alguns querem, outros não, e isso dificulta que tenhamos uma solução definitiva para nossa rua.

Leia mais
Égua precisou ser sacrificada em Nova Santa Rita após cair em valo que deveria ter sido fechado pela prefeitura
Asfalto está cedendo e buraco representa perigo para pedestres e motoristas em rua de Alvorada

Prefeitura prometeu retirar pedregulhos

A prefeitura de Viamão informou que colocou saibro apenas na parte inclinada da rua, no patrolamento feito no último dia 21, por considerar aquele o ponto mais crítico. Antes disso, a Almeida Rosa foi patrolada no início de outubro.

Sobre as bocas de lobo, na manhã da sexta-feira passada, uma equipe da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Smosp) foi ao local e não encontrou vazamento de esgoto nem valos. Quanto às pedras soltas, garantiu que seriam recolhidas na sexta à tarde.

Não existe previsão de pavimentação para a Rua Almeida Rosa. A prefeitura pede que, caso o morador considere que esta resposta não está de acordo com a real situação, entre em contato diretamente com o Fala Cidadão (telefone 156).


 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • acervo_multi

    acervo_multi

    Acervo Multimídia@dailypitanga Diário Gaúcho - Camila Pitanga VENCEU: https://t.co/NbySFcTSfUhá 37 segundosRetweet
  • acervo_multi

    acervo_multi

    Acervo Multimídia@pitangantonelli Diário Gaúcho - Camila Pitanga VENCEU: https://t.co/NbySFcTSfUhá 1 minutoRetweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros