Líder da Igreja Mundial do Poder de Deus leva facada no pescoço durante culto em São Paulo - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Agressão09/01/2017 | 12h47Atualizada em 09/01/2017 | 12h50

Líder da Igreja Mundial do Poder de Deus leva facada no pescoço durante culto em São Paulo

No mesmo dia, o pastor Valdemiro Santiago gravou vídeos dizendo que perdoa o agressor

Líder da Igreja Mundial do Poder de Deus leva facada no pescoço durante culto em São Paulo Reprodução / Facebook/Facebook
Foto: Reprodução / Facebook / Facebook

Líder e fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus, o pastor Valdemiro Santiago levou uma facada no pescoço durante um culto em um templo no Centro de São Paulo na manhã de domingo, dia 8. Cerca de uma hora após ser atacado, Valdemiro gravou um vídeo direto do hospital avisando aos fiéis que estava bem. O vídeo foi publicado no Facebook de Juliana Santigo, sua filha. 

Leia mais:
Zilu Camargo recebe alta do hospital e agradece: "Obrigada Deus!"
Desde a noite de Natal, moradora de Viamão aguarda retirada de árvore que caiu sobre sua casa

De acordo com o G1, o agressor é Jonathan Gomes Higino, 20 anos, um rapaz que frequentava a Igreja Mundial do Poder de Deus e que não tem passagem pela polícia. Por volta das 7h30min de domingo, quando o bispo que comandava o culto convidou os fiéis a se aproximarem do pastor, Jonathan pediu um abraço de Valdomiro, atacando-o no pescoço e nas costas. 

Valdemiro foi conduzido ao Hospital Sírio-Libanês, onde gravou o vídeo, e liberado em seguida. Jonathan afirmou aos policiais que atacou o religioso por sentir-se ameaçado. Cinco meses antes, o fiel teria ouvido do líder que ele seria crucificado. Jonathan foi preso em flagrante e encaminhado ao 8º Distrito Policial de São Paulo. O caso foi registrado como tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil.

Acompanhado da esposa Franciléia Santigo e com um curativo no pescoço, Valdemiro gravou um novo vídeo na noite de domingo agradecendo o carinho das pessoas e declarando que perdoa o agressor. 

— Só lembrei que tinha abaixado para dar um abraço numa pessoa e era ele. E já tá perdoado, tá abençoado, porque eu perdoo. Quem sou eu para negar o perdão — afirmou.

Leia outras notícias


 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros