Prefeitura de Alvorada garante ter normalizado coleta de lixo após um mês de problemas - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Limpeza urbana15/04/2019 | 17h37Atualizada em 15/04/2019 | 17h37

Prefeitura de Alvorada garante ter normalizado coleta de lixo após um mês de problemas

Contratada emergencialmente para o serviço, a Onze Construtora e Urbanizadora fez um mutirão com caminhões utilizados em outras cidades da Região Metropolitana

A prefeitura de Alvorada garante ter normalizado a coleta de lixo no município, após quase um mês de problemas na prestação do serviço. 

Segundo o Executivo, uma força-tarefa foi montada com a Onze Construtora e Urbanizadora, responsável pela coleta. Foram disponibilizados 22 caminhões com profissionais trazidos de outras cidades da Região Metropolitana nas quais a empresa também é responsável pela coleta.

Leia outras notícias do Diário Gaúcho

— Conseguimos finalmente colocar em dia o recolhimento do lixo. Estamos pedindo ao cidadão alvoradense que nos entenda. Desculpa um pouquinho pelo atraso. Quando tem troca de empresa, geralmente demora — diz o vice-prefeito, Valter Slayfer.

As primeiras reclamações do problema que causou revolta dos moradores começaram no dia 15 de março. Desde então, a prefeitura veio informando prazos em que a coleta estaria normalizada e os descumprindo. O Executivo rescindiu o contrato com a antiga empresa que deveria prestar o serviço, a Ecopav e contratou emergencialmente a nova companhia.

Durante o período, moradores tiveram de conviver com sacolas amontoadas em calçadas, impedindo a circulação de pedestres. Houve até quem levasse o lixo pra outros municípios da região.

Leia também
Há 15 anos em obras, prédio da Câmara de Alvorada  já custou mais de R$ 1 milhão
Conheça a escola de Alvorada onde os alunos servem "três conchadas de galinha"
Prefeitura rompe contrato com empresa de coleta de lixo em Alvorada

O vice-prefeito garante que não haverá novos problemas:

— Fomos muito cuidadosos com o contrato. Se houver qualquer tipo de problema, não vamos temer em romper o contrato. Tem várias empresas que querem trabalhar conosco, porque estamos com os pagamentos rigorosamente em dia com os nossos fornecedores.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros