Casal de Gravataí oficializa união que começou por causa do Corações Solitários - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Enfim, casados10/12/2019 | 10h19

Casal de Gravataí oficializa união que começou por causa do Corações Solitários

Após 17 anos, Rosane e Marcos celebraram o amor com uma cerimônia religiosa, voltada apenas para os familiares e amigos mais próximos

Casal de Gravataí oficializa união que começou por causa do Corações Solitários André Ávila/Agencia RBS
Rosane e Marcos conheceram-se graças ao "Clube dos Corações Solitários" Foto: André Ávila / Agencia RBS

A consultora de vendas Rosane da Silva Nunes, 46 anos, e o motorista de caminhão Marcos Rogério Carneiro Mayer, 49 anos, se conheceram pela seção Clube dos Corações Solitários em 2002. No sábado passado, realizaram um grande sonho: enfim, se casaram. 

LEIA MAIS
Amores que nasceram nas páginas do jornal
Clube dos Corações Solitários une brasileiro e cubana
Conheça histórias de casais que se conheceram pelo Clube dos Corações Solitários, seção tradicional do Diário 

Depois do casamento no civil, no dia 29 de novembro deste ano, a cerimônia religiosa, voltada apenas para os familiares e amigos mais próximos, ocorreu na Igreja Luterana da Renovação, em Gravataí. Foi a reafirmação do relacionamento de 17 anos. 

Publicação 

A história do casal teve início quando Marcos, que já estava divorciado havia mais de três anos, publicou seus dados na seção do DG, em maio de 2002. Ele morava em Gravataí. Rosane, que vivia em Charqueadas à época, conta que, quando viu o jornal naquele dia, o motorista era o único homem do Clube dos Corações Solitários

— Vi que as informações que ele colocou condiziam com as minhas e pensei: “Por que não?”. 

A consultora de vendas, então, resolveu ligar para o rapaz. Assim que Marcos atendeu, ela ficou com vergonha e desligou a ligação, mas resolveu entrar em contato novamente, mais tarde, e os dois conversaram. 

Rosane sentiu que ele não lhe deu muita atenção, e acredita que foi em função da distância entre os dois. Após a primeira ligação, o casal ficou duas semanas sem contato. 

— Ele ficou de me ligar e não falou mais comigo, pensei que aquilo era um desaforo e resolvi ligar de volta. Quando falei com ele, descobri que não havia me ligado por que não lembrava mais de mim — conta Rosane. 

Cartas 

A partir da segunda ligação, o casal não parou mais de se contatar. Dois meses depois das conversas diárias, eles resolveram trocar fotos por carta. Em julho do mesmo ano, Marcos convidou Rosane para ir visitá-lo em Gravataí. Após o encontro dos dois, o motorista percebeu que ela era a pessoa certa e decidiu chamar a consultora de vendas para morar com ele. Em agosto daquele ano, eles realizaram uma festa de noivado e foram morar juntos, em Gravataí. Em 2004, dois anos após a união, a família aumentou: Rosane engravidou do único filho do casal, Nicolas. 

— Desde que fomos morar juntos, eu sempre dei a ideia de nos casarmos. Mas, como o Marcos já era divorciado, ele não achava tão necessário quanto eu, e a sugestão sempre ficava de lado — diz Rosane. 

A noite dos sonhos 

Quando começou a frequentar a Igreja Luterana da Renovação, em Gravataí, o casal foi incentivado pelos pastores a se casar. Marcos, então, percebeu que era uma boa ideia e acabou dividindo o sonho com a amada. 

O casamento, que há anos era sonhado pela consultora, foi planejado em dois meses, com a data pensada para que a cerimônia não atrapalhasse os planos de final de ano dos seus convidados. 

A cerimônia religiosa, no dia 7, ocorreu na igreja que a família frequenta. Rosane conta que a noite foi mágica: 

— Durante a cerimônia, passava todo um filme na minha cabeça. O Marcos escreveu tão bem os votos que eu fiquei com vergonha de ler os meus (entre risos). Foi lindo! 

Ainda de acordo com Rosane, Marcos estava bastante ansioso. Mesmo com jeito de “durão”, o motorista conta que sentiu a magia do momento: 

— Eu não sou muito de chorar, mas aquela noite foi muito emocionante. 

Produção: Thayna Silva

Leia outras notícias da seção Seu Problema é Nosso   


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros