Prefeituras de Porto Alegre e Alvorada assinam acordo para duplicar ponte que liga as duas cidades - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Infraestrutura13/12/2019 | 05h00Atualizada em 13/12/2019 | 05h00

Prefeituras de Porto Alegre e Alvorada assinam acordo para duplicar ponte que liga as duas cidades

Travessia que liga os bairros Nova Gleba, na Capital, e Passo do Feijó, em Alvorada, está com estrutura precária

Prefeituras de Porto Alegre e Alvorada assinam acordo para duplicar ponte que liga as duas cidades Félix Zucco/Agencia RBS
Atualmente, travessia representa riscos Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Enfim, um complicado caminho que liga Porto Alegre e Alvorada deve ter dias melhores. Trata-se de uma ponte entre os bairros Nova Gleba, na Capital, e Passo do Feijó, na cidade da Região Metropolitana. Atualmente, a passagem pelo local é arriscada, isso porque a pista que cruza sobre a água não é duplicada. 

Leia outras notícias do Diário Gaúcho

A promessa de mudar este cenário teve seu primeiro passo dado na quarta-feira (11). Em encontro na prefeitura de Porto Alegre, os prefeitos das duas cidades assinaram um acordo de cooperação para duplicar a ponte. A divisão dos trabalhos foi organizada da seguinte maneira: no lado da Capital, o poder público ficará responsável por adequar a sinalização da Rua Eduardo Nadruz. À prefeitura de Alvorada, caberá o desenvolvimento de todos projetos arquitetônicos e estruturais da ponte, além da execução de todas as etapas da obra. 

Conforme a administração do município vizinho a Porto Alegre, uma empresa contratada ficará responsável pela obra, que deve uma estrutura provisória, pois, futuramente, obras no dique sobre o Arroio Feijó podem alterar o cenário do local. Ainda não há data para início ou conclusão dos trabalhos.

O prefeito de Alvorada, José Arno Appolo do Amaral, reconhece que o problema não é novo:

– Essa renovação registrará um salto no desenvolvimento da região, além de trazer a fluidez ao trânsito bem como a necessária segurança para o elevado número de pedestres que diariamente por ali transitam.

Leia também
Em ponte que liga Porto Alegre a Alvorada, falta de segurança para pedestres chama atenção
Adutora volta a romper e afeta abastecimento de água em 20 bairros de Alvorada
Motorista transforma ônibus escolar antigo em cinema itinerante em Alvorada

Na quarta-feira, durante a assinatura do contrato, o mandatário da Capital, Nelson Marchezan, sinalizou a importância da obra para a região e afirmou que "os municípios precisam se unir para buscar o bem comum".

Histórico

A necessidade de reparos na ponte sobre o Arroio Feijó não é recente. O Diário Gaúcho já mostrou a situação em outubro de 2016 e, mais recentemente, no mês passado. Entre a primeira e a segunda reportagem, a mudança no local foi para pior. Além da estrutura não ser duplicada, partes das proteções laterais caíram. E como o local é a única ligação entre as duas comunidades também para pedestres, fazer a travessia caminhando tornou-se arriscado.

Durante a visita em novembro deste ano, a reportagem acompanhou a movimentação no local por cerca de uma hora. A ponte fica um pouco acima do nível da rua. Assim, quem vem por um sentido não vê o outro lado. Como somente um carro passa pela travessia de cada vez, a cautela é necessária. Entretanto, alguns motoristas não diminuem a velocidade ao chegar no trecho, resultando em freadas bruscas quando dois veículos se encontram sobre a passagem. 

No mês passado, as duas cidades afirmaram o acordo estava em avaliação e ainda não havia prazo para que o projeto avançasse. Porém, isso mudou. Agora, com a promessa de duplicação saindo do papel, o cenário será outro para os moradores das duas cidades que circulam diariamente pela região.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros