Mais de mil jovens se mobilizam em ações de solidariedade contra o coronavírus no RS - Notícias

Vers?o mobile

 
 

#TodosPelaVida28/04/2020 | 21h52Atualizada em 28/04/2020 | 21h52

Mais de mil jovens se mobilizam em ações de solidariedade contra o coronavírus no RS

Centros de Juventude estão distribuindo comida e máscaras para a comunidade

Mais de mil jovens se mobilizam em ações de solidariedade contra o coronavírus no RS Félix Zucco/Agencia RBS
CJ Cruzeiro produz e distribui quentinhas para pessoas em situação de rua e aquelas que estão em transição da rua para um novo lar Foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Cursos e oficinas oferecidos pelos seis Centros de Juventude (CJ) do Rio Grande do Sul — bairros Rubem Berta, Restinga, Cruzeiro e Lomba do Pinheiro, em Porto Alegre, além de Alvorada e Viamão — ampliaram o espaço para a solidariedade e a cidadania durante a  pandemia de coronavírus. Há duas semanas, as aulas de gastronomia no CJ Cruzeiro, no bairro Santa Tereza, se tornaram momento de distribuição de comida a pessoas em situação de vulnerabilidade social. No mesmo período, os estudantes do curso de customização de roupas do CJ Rubem Berta deixaram a produção de peças novas para se dedicarem à confecção de máscaras laváveis, que estão sendo distribuídas aos familiares, à Brigada Militar e a entidades assistenciais da zona norte de Porto Alegre.

Leia mais
Costureiras entregam máscaras contra o coronavírus para a Brigada Militar
Solidariedade gaudéria em meio à pandemia
Confecção de máscaras via fonte de renda extra em meio à pandemia

Juntos, mais de mil jovens entre 14 e 24 anos, que frequentam os cursos dos Centros, fazem parte da campanha #TodosPelaVida. A ação foi criada pela Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, em parceria com os espaços que integram o Programa de Oportunidades e Direitos (POD). Segundo o secretário da pasta, Catarina Paladini, a ideia é tornar a rede uma aliada dentro das comunidades no enfrentamento à doença. Cada CJ sugeriu uma ou mais ações para contribuir na campanha.

— Estamos felizes porque esta mobilização reforça ainda mais o sentimento de cidadania e responsabilidade destes jovens, que já fazem a diferença onde estão inseridos. São multiplicadores — afirma o secretário.

Cada Centro atende até 300 jovens em diferentes oficinas profissionalizantes. Porém, por conta da covid-19, foi preciso reduzir o número de participantes das ações sociais. Enquanto a maior parte segue com aulas online, grupos de, no máximo, cinco alunos são acompanhados pelos educadores. 

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL - 2020.04.28 - O combate ao novo coronavírus ganhou um reforço importante com a adesão dos seis Centros da Juventude (CJs) do Rio Grande do Sul. A campanha #TodosPelaVida, lançada pela Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH) em parceria com os espaços que integram o Programa de Oportunidades e Direitos (POD), envolve mais de mil jovens de Porto Alegre (Rubem Berta, Cruzeiro, Restinga e Lomba do Pinheiro), Viamão e Alvorada. Na foto: Jovens produzem máscara no CJ d Rubem Berta (Foto: ANDRÉ ÁVILA/ Agência RBS)Indexador: Andre Avila<!-- NICAID(14487799) -->
Meta é produzir 2 mil máscaras por mês no CJ Rubem BertaFoto: André Ávila / Agencia RBS

No CJ Rubem Berta, para que todos possam participar, estão sendo feitos rodízios diários com turnos de trabalho. O material usado na produção tem sido comprado. Por isso, o CJ aceita doações de tecidos, linhas e elásticos. A entrega das primeiras 67 máscaras foi para o 20º Batalhão de Polícia Militar, na sexta-feira passada (24). As próximas cem máscaras serão para uma entidade que atua dentro do Centro Vida, onde o CJ mantém sua estrutura. A meta, segundo o coordenador-geral do CJ Rubem Berta, Fábio Ribeiro, é produzir e distribuir 2 mil máscaras por mês.

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL - 2020.04.28 - O combate ao novo coronavírus ganhou um reforço importante com a adesão dos seis Centros da Juventude (CJs) do Rio Grande do Sul. A campanha #TodosPelaVida, lançada pela Secretaria de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos (SJCDH) em parceria com os espaços que integram o Programa de Oportunidades e Direitos (POD), envolve mais de mil jovens de Porto Alegre (Rubem Berta, Cruzeiro, Restinga e Lomba do Pinheiro), Viamão e Alvorada. Na foto: Jovens produzem máscara no CJ d Rubem Berta (Foto: ANDRÉ ÁVILA/ Agência RBS)Indexador: Andre Avila<!-- NICAID(14487810) -->
Jovens estão trabalhando diariamente no CJ Rubem BertaFoto: André Ávila / Agencia RBS

No CJ Cruzeiro, no bairro Santa Tereza, que atende 150 estudantes, três deles, também acompanhados pelo educador, já fizeram três almoços e os distribuíram para pessoas em situação de rua e aquelas que estão em transição da rua para um novo lar. A atividade mais recente ocorreu nesta terça-feira (28), na república instalada junto ao CJ. Oito adultos que estão abrigados, em processo de transição da rua para uma casa própria, receberam a alimentação produzida pelos alunos. A coordenadora-geral do CJ Cruzeiro, Íris Monteiro, ressalta que esta é uma das ações sociais desenvolvidas pela entidade em meio à pandemia. O CJ aceita doações de alimentos para a produção de novas quentinhas e também para montarem cestas básicas que são distribuídas na comunidade.

Quatro pilares formam o #TodosPelaVida: alimentação, higiene, informação e fortalecimento do comércio local em áreas de extrema vulnerabilidade social. Nos demais Centros da Juventude estão ocorrendo entregas de cestas básicas e kits de higiene, produção de sabonete, detergente e sabão para pessoas carentes e confecção e distribuição de máscaras para motoristas e cobradores do transporte coletivo de Porto Alegre.

PARA AJUDAR

  • O CJ Cruzeiro aceita doações de máscaras, alimentos para a produção de almoços e para compor cestas básicas. Fone/WhatsApp: (51) 98939-0031.
  • O CJ Rubem Berta aceita doações de tecidos (tricoline e algodão 100%), elásticos e linhas. Fone/WhatsApp: (51) 99305-7939.


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros