Canoas supera cem casos de coronavírus e prefeitura decreta fechamento do comércio nos domingos e feriados - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Pandemia28/05/2020 | 22h00Atualizada em 28/05/2020 | 22h00

Canoas supera cem casos de coronavírus e prefeitura decreta fechamento do comércio nos domingos e feriados

Nas praças do município, também será proibido o acesso da população nesses mesmos dias, e supermercados terão restrição de horário

A prefeitura de Canoas confirmou nesta quinta-feira (28) que irá estabelecer o fechamento do comércio e das praças nos domingos e feriados. A medida começa a valer no próximo domingo (31). Os supermercados terão restrição de horário e só poderão funcionar até as 13h. Somente os serviços essenciais têm abertura garantida. A decisão da prefeitura ocorre após o número de casos positivos de coronavírus passar de cem.

A determinação para a proibição de abertura abrange o comércio varejista, shoppings e os restaurantes e lancherias. Em relação às praças, o fechamento vai ocorrer em todas as regiões do município, e a fiscalização desses locais contará com o apoio da Guarda Municipal e da Brigada Militar.

Leia mais
Veja perguntas e respostas sobre a retomada das aulas anunciada pelo governador
Dificuldade de acesso ao crédito trava recuperação de empresas gaúchas
Como a pandemia afetou o atendimento na rede básica de saúde

O prefeito de Canoas, Luiz Carlos Busato, afirma que o motivo do decreto é buscar um retorno da consciência da comunidade e garantir que os casos de covid-19 não sigam crescendo.

— Nas últimas semanas, a população relaxou, e essa situação nos preocupa, especialmente nos finais de semana. Precisamos tomar essa atitude para que a curva de casos no município não continue subindo como está e atinja a capacidade de leitos — explica o prefeito.

Novas vagas de UTI já em uso

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, estavam em operação 30 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes de coronavírus. Todas foram ocupadas, mas a prefeitura garantiu mais 10 vagas. Dessas, duas já recebem pessoas doentes, somando, atualmente, 32 pacientes em atendimento por covid-19 em UTIs na cidade.

A preocupação é que ocorra um aumento nos próximos dias.  Os dados divulgados pelo município apontam que de 6 a 21 de maio houve um crescimento de 174% no número de casos.

— O aumento de confirmações está maior nos últimos dias e também a quantidade de pacientes que seguem internados. Nos últimos cinco dias, chegamos ao limite dos leitos de UTI para doença disponibilizados até então. Mesmo com os 10 leitos, é preciso realizar medidas mais restritivas — alertou o secretário municipal de Saúde, Fernando Ritter.

Canoas conta, até agora, com dois dos quatro hospitais de campanha em operação. Eles estão localizados ao lado das UPAs dos bairros Rio Branco e Boqueirão.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros