Rio Grande do Sul tem 32 agências do INSS realizando perícias; veja quais são - Notícias

Versão mobile

 
 

Retomada06/10/2020 | 21h12Atualizada em 06/10/2020 | 21h12

Rio Grande do Sul tem 32 agências do INSS realizando perícias; veja quais são

Outras 30 unidades que ofereciam o serviço antes da pandemia ainda não retomaram atendimento

Rio Grande do Sul tem 32 agências do INSS realizando perícias; veja quais são Antonio Valiente/Agência RBS
Usuários têm econtrado dificuldades para agendar procedimentos Foto: Antonio Valiente / Agência RBS

Segurados que precisam realizar perícias do INSS encontram 32 agências abertas nesta terça-feira (6) em diferentes regiões do Rio Grande do Sul. Desde o dia 14 de setembro, o número foi aumentando aos poucos — no último dia 28, por exemplo, eram 13 unidades. 

A reportagem de GZH fez contato com as nove gerências regionais do INSS, que respondem por todas as 103 agências do Estado. Parte delas retomou atendimento nos últimos dias, após o retorno de médicos peritos (veja a lista abaixo).

A única regional onde não há nenhuma unidade aberta é a de Pelotas, no Sul: todas estão fechadas e não abrem nem mesmo para serviços administrativos.

Leia mais
Pela segunda semana, usuários agendam perícia e encontram agências fechadas
Conhece o LinkedIn? A rede social pode te ajudar a encontrar um emprego

— Estamos fazendo um contrato de limpeza periódica, mas estamos agora aguardando notícias de Brasília, porque não depende mais de nós. Também não sabemos ainda qual será a adesão dos médicos. Vários servidores estão trabalhando e atendendo ao público por telefone, mas as agências permanecem fechadas — explica Carmen Regina Pinto Miranda, gerente-executiva em Pelotas.  

Não são todas as agências do Rio Grande do Sul que realizam perícias, mesmo em período de normalidade. Segundo o levantamento de GZH, há 30 agências que realizavam o serviço antes da pandemia, mas que não estão oferecendo agora este tipo de atendimento (algumas estão totalmente fechadas, e outras, somente com atendimento administrativo). Entre os motivos, estão falta de médicos peritos, que não retornaram ao trabalho, a necessidade de ajustes (como equipamentos de proteção) ou problemas estruturais, como falta de janelas, por exemplo.

Na Fronteira Oeste, a agência de Quaraí chegou a abrir para a realização de perícias, mas houve um problema no ar-condicionado na única sala disponível. Assim, o local foi fechado e, por enquanto, há atendimento apenas para serviços administrativos. Já em Uruguaiana, a agência abriu para todos os serviços, menos o de perícia — no entanto, dois funcionários testaram positivo para covid-19, e o local foi fechado para desinfecção. 

— Aqui na região a retomada está lenta, difícil. Do jeito que está, não dá para atender a demanda da região. Precisamos voltar, mesmo que seja com o mínimo, em todos os lugares onde havia médicos antes — diz o gerente-executivo em Uruguaiana, Vilson Catharino Rodrigues.

O segurado que desejar realizar perícia precisa fazer agendamento pelo telefone 135 ou site e aplicativo do "Meu INSS".

Confira abaixo a situação das agências do INSS em cada região do RS. As unidades que estão realizando perícias estão em destaque:

Região de Porto Alegre

  • Partenon (aberta e realizando perícias) 
  • Boa Vista (atendendo parcialmente no sistema drive-thru; habitualmente não realiza perícias)
  • Centro (fechada; habitualmente não realiza perícias)
  • Zona Sul (fechada; habitualmente não realiza perícias)
  • Alvorada (aberta para serviços administrativos; habitualmente não realiza perícias)
  • Viamão (fechada; habitualmente não realiza perícias)

Região de Canoas

  • Canoas (aberta e realizando perícias)
  • Osório (aberta e realizando perícias)
  • Torres (aberta e realizando perícias)
  • Gravataí (aberta somente para perícias; outras atividades devem retomar, mas faltam servidores)
  • Guaíba (aberta e realizando perícias)
  • Santo Antônio da Patrulha (aberta; não realiza perícias habitualmente) 
  • Butiá (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Cachoeirinha (fechada por falta de servidores e problema estrutural para a realização de perícias)
  • Esteio (fechada por falta de servidores; poderia realizar perícias)
  • São Jerônimo (fechada por falta de servidores; não realiza perícias habitualmente)

Região de Novo Hamburgo

  • Lajeado (aberta e realizando perícias)
  • São Leopoldo (aberta e realizando perícias)
  • Taquara (aberta e realizando perícias)
  • Campo Bom (aberta e realizando perícias)
  • Novo Hamburgo (aberta e realizando perícias)
  • Montenegro (aberta; poderia realizar perícias, mas não está)
  • Sapiranga (aberta; poderia realizar perícias, mas não está)
  • São Sebastião do Caí (aberta; poderia realizar perícias, mas não está porque as servidoras são de grupo de risco)
  • Encantado (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Dois Irmãos (aberta para o serviço de justificação judicial; não realiza perícias habitualmente)
  • Estrela (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Portão (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Igrejinha (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Três Coroas (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Taquari (fechada; poderia realizar perícias, mas não está porque os servidores são de grupo de risco)
  • Teutônia (fechada; poderia realizar perícias, mas não está porque os servidores são de grupo de risco) 

Região de Santa Maria

  • Rio Pardo (aberta e realizando perícias)
  • Cachoeira do Sul (aberta e realizando perícias)
  • Santa Cruz do Sul (aberta e realizando perícias)
  • Santa Maria (aberta e realizando perícias) 
  • Encruzilhada do Sul (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Sobradinho (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Santiago (fechada; ainda não está apta a realizar perícias)
  • Cacequi (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Caçapava do Sul (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Júlio de Castilhos (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Tupanciretã (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Candelária (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Venâncio Aires (fechada; não realiza perícias habitualmente) 

Região de Caxias do Sul

  • Vacaria (aberta e realizando perícias)
  • Canela (aberta e realizando perícias)
  • Caxias do Sul (aberta e realizando perícias)
  • Farroupilha (aberta e realizando perícias)
  • Bento Gonçalves (aberta e realizando perícias)
  • Nova Prata (aberta e realizando perícias)
  • Garibaldi (aberta; poderia realizar perícias, mas o médico está em licença)
  • Carlos Barbosa (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Veranópolis (aberta; não realiza perícias habitualmente) 
  • Flores da Cunha (fechada; não realiza perícias habitualmente)

Região de Passo Fundo

  • Erechim (aberta e realizando perícias) 
  • Passo Fundo (aberta e realizando perícias)
  • Carazinho (aberta e realizando perícias)
  • Soledade (aberta e realizando perícias)
  • Espumoso (aberta; deve retomar perícias em breve)
  • Guaporé (aberta; deve retomar perícias em breve) 
  • Marau (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Casca (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Sarandi (aberta; não realiza perícias habitualmente) 
  • Getúlio Vargas (fechada; poderia realizar perícias, mas não está)
  • Serafina Correa (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Lagoa Vermelha (fechada; não realiza perícias habitualmente) 

Região de Uruguaiana

  • Dom Pedrito (aberta e realizando perícias)
  • Uruguaiana (fechada para desinfecção devido a casos de covid-19; deve reabrir na quinta-feira para atendimento administrativo)
  • Quaraí (aberta para serviços administrativos; estava realizando perícias, mas houve um problema no ar condicionado da sala e o serviço foi suspenso por alguns dias)
  • São Borja (aberta, mas sem possibilidade de retomar perícias) 
  • Santana do Livramento (aberta; deve retomar perícias em breve)
  • São Gabriel (aberta; poderia realizar perícias, mas não está) 
  • Itaqui (fechada; poderia realizar perícias, mas não está) 
  • Alegrete (fechada; não realiza perícias) 
  • Rosário (fechada; não realiza perícias)

Região de Pelotas 

  • Camaquã (fechada; poderia realizar perícias)
  • Pelotas (fechada; poderia realizar perícias)
  • Canguçu (fechada; poderia realizar perícias)
  • Bagé (fechada; poderia realizar perícias)
  • Rio Grande (fechada; poderia realizar perícias)
  • Santa Vitória do Palmar (fechada; poderia realizar perícias)
  • Jaguarão (fechada; poderia realizar perícias)
  • Tapes (fechada; poderia realizar perícias, mas médico está deslocado)
  • Piratini (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • São José do Norte (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • Capão do Leão (fechada; não realiza perícias habitualmente)
  • São Lourenço do Sul (fechada; não realiza perícias habitualmente) 

Região de Ijuí

  • Ijuí (aberta e realizando perícias)
  • Frederico Westphalen (aberta e realizando perícias)
  • Panambi (aberta e realizando perícias)
  • Três de Maio (aberta e realizando perícias)
  • Cruz Alta (aberta e realizando perícias)
  • São Luiz Gonzaga (aberta e realizando perícias) 
  • Santo Ângelo (aberta; deve retomar perícias em breve)
  • Santa Rosa (aberta; poderia realizar perícias, mas não está)
  • Três Passos (aberta; poderia realizar perícias, mas não está)
  • Cerro Largo (aberta; está sem perícias porque o único médico está incluído no grupo de risco)
  • Palmeira das Missões (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Horizontina (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Ibirubá (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Giruá (aberta; não realiza perícias habitualmente)
  • Porto Lucena (aberta; não realiza perícias habitualmente) 
 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros